Primeiro-ministro britânico afirma que empresas que trabalharam na organização do evento em Londres estariam interessadas em ajudar o Brasil

EFE

David Cameron, primeiro-ministro britânico
Getty Images
David Cameron, primeiro-ministro britânico

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, reafirmou diante de Dilma Rousseff, nesta sexta-feira, o interesse de seu país em colaborar com a organização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

Cameron revelou que veio ao Brasil acompanhado de diversas empresas que trabalharam na organização dos Jogos de Londres 2012, e que elas estariam interessadas em colocar sua experiência à disposição dos organizadores do evento no Brasil.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Segundo o premiê britânico, 22 empresas de seus país já assinaram contratos referentes aos Jogos de 2016 e a Copa de 2014, na ordem de US$ 113 milhões. Cameron afirmou que espera aumentar ainda mais as relações comerciais com o Brasil e disse estar na expectativa para que "em breve" seja firmado acordo comercial que o país e a União Europeia negociam.

Leia mais no blog Espírito Olímpico

Além disso, o primeiro-ministro disse que pretende ampliar a parceria dos dois países nos campos da ciência, educação e cinema. Cameron também expressou apoio as aspirações do Brasil em ocupar um assento permanente no Conselho de Segurança da ONU.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.