Com a medalha de bronze do pentatlo moderno nas Olimpíadas de Londres, pernambucana soma 200 pontos, 30 a menos que a líder

Yane Marques, medalhista de bronze no pentatlo moderno
Gazeta Press
Yane Marques, medalhista de bronze no pentatlo moderno

A medalha de bronze dos Jogos Olímpicos de Londres  fez a pernambucana Yane Marques chegar à vice-liderança do ranking mundial de pentatlo moderno. Agora a atleta brasileira soma 200 pontos, 30 a menos do que a lituana Laura Asadauskaite, medalha de ouro das Olimpíadas e primeira colocada da lista.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Yane, que antes dos Jogos em Londres aparecia com a terceira colocação da lista, sua melhor posição até então, tornou-se a primeira atleta sul-americana a chegar à vice-liderança do ranking.

Leia também: "A Olimpíada do Rio vai gastar bem menos do que a de Londres"

O bronze conquistado por Yane Marques em Londres-2012 foi a última medalha do Brasil na edição do evento e a primeira o País na modalidade na história das Olimpíadas.

Veja aind: Scheidt afirma estar motivado para competir na Laser

O Brasil tem ainda outra atleta entre as 100 primeiras colocadas da lista mundial do pentatlo moderno feminino: a também pernambucana Priscila Oliveira, que se manteve na 68ª colocação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.