Publicidade
Publicidade - Super banner
Mais Esportes
enhanced by Google

Atleta britânico revela orgia com ucranianas durante os Jogos de Londres

Esportista que não quis se identificar disse que as ucranianas são as mais sensuais e as americanas as mais 'acessíveis'

iG São Paulo | - Atualizada às

Com o fim das Olimpíadas, alguns casos de bastidores vêm à tona. O jornal inglês Daily Mail ouviu um membro do "alto perfil" da delegação da Grã-Bretanha, que não quis se identificar, e ele revelou a existência de orgias entre os atletas dentro e fora da Vila Olímpica.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Reprodução/Daily Mail
O britânico Robbie Grabarz se animou após o bronze no salto em altura

Segundo o esportista, a primeira semana é mais calma, pois a maioria dos atletas ainda não terminou de competir e está bastante focada, mas disse que na segunda semana existe mais tempo livre. "Na segunda semana, as coisas começam a ficar mais emocionantes e os atletas têm muita energia para gastar", relata ele.

Leia mais: Bolt comemora ouro com belas mulheres

Foi na segunda semana que a fonte do Daily Mail afirmou ter conhecido duas ucranianas do atletismo, e ao lado de um colega, convidou as garotas para uma boate em Londres. O clima esquentou e os quatro foram para os dormitórios da Vila Olímpica, com vistas grossas dos seguranças. "Entramos sorrateiramente com as meninas em nossos quartos, depois corri para cima para dar uns pins para os seguranças", diz ele. O atleta também admitiu que conseguiu levar bebida alcoolica para o quarto.

Para terminar a noite quente, a fonte britânica relatou que os quatro participaram de uma orgia na sala de estar do dormitório na Vila Olímpica. 

O britânico classificou as ucranianas como as mais sensuais da Vila Olímpica, enquanto as americanas são as mais 'acessíveis'.  

A fonte do Daily Mail ainda disse que muitas mulheres se ofereciam para o jamaicano Usain Bolt, que fez as vezes de DJ em uma das festas londrinas. No entanto, o britânico ressaltou que o velocista não ligava para o assédio feminino. 

Durante os Jogos de Londres foram disponibilizados um recorde de 150.000 camisinhas (50.000 mais do que na última Olimpíada) para os atletas. 

Alexander Hassenstein/Getty Images
Usain Bolt ataca de DJ nas festas, e segundo fonte britânica, refutou as investidas da mulherada em Londres


Leia tudo sobre: londres 2012orgiausain bolt

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG