A Usada (Agência Antidoping dos Estados Unidos) formalizou acusações contra o ciclista heptacampeão da competição francesa

Lance Armstrong na Volta da França em 2010
EFE
Lance Armstrong na Volta da França em 2010

Nesta sexta-feira, a Usada (sigla em inglês para Agência Antidoping dos Estados Unidos) disse que apresentou acusações formais contra o ciclista norte-americano Lance Armstrong, heptacampeão da Volta da França. Caso a alegação seja provada, os sete títulos da maior prova de ciclismo do mundo podem ser tirados do atleta.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Armstrong, que está sendo acusado junto com cinco de seus antigos colaboradores, poderá defender seu caso em uma audiência, diante e todas as provas que se apresentaram, de testemunhas e de um grupo independente de árbitros, que decidirá o resultado do caso", disse a Agência, em comunicado.

Leia mais: Britânico Mark Cavendish vence segunda etapa da Volta da França

A entidade acusa Lance Amstrong esteve envolvido em inúmeros casos de dopagem, contando com ajuda de treinadores e outros profissionais durante anos. Segundo a Usada, o ciclista fez uso de substâncias proibidas durante parte da carreira. O caso pode ser levado para a CAS (Corte Arbitral do Esporte).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.