iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

22/12 - 00:58, atualizada às 10:02 22/12

"Quero continuar no topo do mundo", diz César Cielo após ganhar prêmio do COB

'Só estou tentando ser o atleta mais rápido que eu posso ser. Dentro de mim tem uma coisa dizendo que vou muito além do consegui hoje e essa é uma motivação para o futuro'

Anderson Dezan, iG Rio de Janeiro

Ganhador pelo segundo ano consecutivo do Prêmio Brasil Olímpico de melhor atleta masculino do ano, o nadador César Cielo disse que o troféu recebido na noite desta segunda-feira no Rio de Janeiro serve como motivação extra para 2010. Segundo ele, o objetivo para o próximo ano é melhorar ainda mais seus resultados e buscar novas marcas. “A meta para 2010 é continuar ganhando. Quero continuar no topo do mundo”, afirmou confiante o atual campeão mundial e recordista dos 50m livres e dos 100m livres.

Cielo recebeu 77% dos votos na disputa pelo prêmio de melhor atleta do ano, concorrida com o ginasta Diego Hypólito e o velejador Torben Grael. Mesmo com os resultados expressivos obtidos em 2009 e o prêmio do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), o nadador preferiu rejeitar o título de “senhor das piscinas”.

“Eu ainda sou novinho. Tenho só 22 anos. Deixo esse título para o Gustavo (Borges)”, brincou. “Só estou tentando ser o atleta mais rápido que eu posso ser. Dentro de mim tem uma coisa dizendo que vou muito além do consegui hoje e essa é uma motivação para o futuro”.

Questionado sobre a proibição dos supermaiôs, que entrará em vigor em 1º de janeiro, Cielo disse que não deverá encontrar muitas dificuldades em relação à sensibilidade porque já treina de sunga. O nadador, no entanto, admitiu que a mudança irá trazer consigo algumas adaptações.

“Os tempos podem voltar um pouco, mas esse não é o mais importante. Quebrar recorde mundial é uma das melhores sensações que o esporte traz, mas bater na frente é mais importante”, avaliou.

Ao contrário do ano passado, quando chorou ao receber o Prêmio Brasil Olímpico, desta vez Cielo conteve as lágrimas. “A gente vai ficando mais velho e mais experiente. Vamos meio que acostumando com a situação. Eu fiquei nervoso do mesmo jeito, mas acho que agora sou um cara um pouco mais maduro”, disse, rindo.


Leia mais sobre: César Cielo natação melhor atleta Prêmio Brasil Olímpico

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AE

Cielo recebe prêmio de Lula

César Cielo
Nadador recordista mundial dos 100m e 50m espera novos triunfos no futuro

Topo
Contador de notícias