iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

25/11 - 12:34

Judoca Tiago Camilo troca de categoria pela terceira vez

Judoca quer subir de peso, passando dos 81 quilos dos meio-médios para os 90 dos médios

Agência Estado

PORTO ALEGRE - Medalha de prata entre os pesos leves na Olimpíada de Sydney/2000, bronze entre os meio-médios em Pequim/2008, o judoca Tiago Camilo, aos 26 anos, já se prepara para os Jogos de Londres/2012. E seu objetivo não é fácil: subir pela terceira vez no pódio e na terceira categoria.

Feito inédito no judô. O atleta, que trocou o clube gaúcho Sogipa pelo Pinheiros neste segundo semestre, participa do Grand Prix, dias 6 e 7 de dezembro, em Porto Alegre, mas estará de olho nas seletivas para a equipe olímpica permanente em março.

Tiago treina entre os médios desde setembro. Subir de peso dos 81 quilos dos meio-médios para os 90 dos médios não vem sendo problema para o judoca, atual campeão dos meio-médios e medalha de ouro no Pan-Americano do Rio, entre os médios, ambas competições disputadas em 2007. “O principal é seguir uma dieta alimentar correta. Para isso, trabalho com uma equipe especializada”, disse Tiago, que conta com técnicos, nutricionista e preparador físico. No Pan do Rio, Tiago competiu com 84 quilos e venceu seus três adversários em apenas 1min59. Atualmente, está com “86 ou 87 quilos”.

Apontado como um dos judocas mais técnicos da atualidade, Tiago acredita que sua versatilidade de golpes poderá ser um diferencial importante nos combates futuros. “As lutas entre os médios são mais cadenciadas, lentas, mas os lutadores são bem mais fortes. Preciso treinar para ganhar massa muscular sem perder a velocidade. Aí poderei surpreender”, analisou. Por isso, apesar de ter de ganhar peso, a musculação não ganhou um espaço maior em sua cartilha de treinamento diário. “Faço a mesma quantidade de exercícios de antes.”

Tiago já sabe quais serão seus adversários na seletiva para integrar a equipe olímpica: Ricardo Trevisan e Hugo Pessanha. Passando pela seletiva, Tiago se juntará a Eduardo Santos, que disputou a Olimpíada de Pequim, e deverá participar de competições internacionais, principalmente na Europa, nos próximos dois anos.

Aquele que obtiver melhores resultados garantirá um lugar em Londres. Na Inglaterra, daqui a quatro anos, a intenção de Tiago Camilo será ocupar o único lugar que lhe falta subir no pódio: o mais alto.


Leia mais sobre: Tiago Camilo Judô

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias