iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

20/11 - 14:51

Líder, barco de Grael garante pontos extras na segunda perna
Embarcação foi recompensada pela tática ousada de navegar mais ao sul, levando vantagem nos pontos

 

Gazeta Esportiva

COCHIN (Índia) - O Ericsson 4 ampliou ainda mais sua liderança na Volvo Ocean Race 2008 após cruzar na frente o portão de pontuação da longitude 58° na segunda perna da regata. Na madrugada desta quinta-feira, a embarcação foi recompensada pela tática ousada de navegar mais ao sul, levando vantagem sobre a concorrência na luta pelos pontos extras.

Agora porém, a embarcação comandada pelo brasileiro Torben Grael terá de acelerar para se aproximar da cidade de Cochin, na Ásia, destino final da perna. Ao optar por uma rota mais ao sul, o veleiro de Grael tomou o caminho mais longo para a linha de chegada da etapa. 'A regata está muito aberta e ainda vamos ver se nossa opção vai se pagar mais adiante', diz o comandante.

Apesar da liderança, o Ericsson 4 também enfrentou maus momentos até agora. 'Conseguimos o que queríamos e estamos navegando a dois dias com vento em torno de 30 nós, mais ou menos o que tivemos durante o recorde, só que a condição do mar está muito complicada e, pela primeira vez, demos duas grandes atravessadas, mesmo de balão pequeno. O barco imbicou tanto que os lemes saíram da água. O Brad (Jackson) estava ao leme e não gostou nada, claro. Tivemos alguns danos nas velas por causa das enterradas nas ondas, o que danificou uma delas e nos custou um bom tempo. Mas Ryan (Godfrey), Horácio (Carabelli) e Blood trabalharam duro na reparação, o que nessas condições de onda é para leão'.

Depois do barco de Grael cruzaram o portão o Ericsson 3, e o surpreendente Green Dragon, que tem velejado com a retranca avariada. Outra surpresa foi o desacreditado Team Russia, que passou em quarto.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias