iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

18/11 - 15:04

Pressionada por Baldaia, Conceição defende liderança do ranking

Atleta defende sua situação neste domingo, na última etapa do Circuito de Corridas da Caixa, em Brasília

Gazeta Esportiva

BARASÍLIA - Atual líder do ranking brasileiro de corredores de rua, Conceição de Maria Carvalho Oliveira defende sua situação neste domingo, na última etapa do Circuito de Corridas da Caixa, em Brasília (DF). A prova tem largada às 8 horas, no Eixo Rodoviário Sul.

“Vou fazer de tudo para manter a liderança, sempre com muito respeito por minhas adversárias. Sei que é difícil, pois a Zeferina está em um grande momento, mas não é impossível. Que vença quem estiver melhor preparada”, diz Conceição, que soma 252 pontos na tabela e é seguida de perto por Maria Zeferina Baldaia com 247.

também conquistou o título da Meia Maratona de Fortaleza e foi a segunda brasileira mais bem colocada na Meia Maratona do Rio.

Baldaia está confiante. “Tudo está ocorrendo dentro da minha programação e estou me recuperando bem de cada etapa. A disputa com a Conceição pela liderança do ranking promete ser emocionante até o final. Espero ter um bom desempenho em Brasília e brigar mais uma vez pela vitória”, diz a atleta de Sertãozinho.

Tanto Conceição quanto Baldaia têm feito temporadas bastante regulares. A primeira brilhou nas cinco últimas do Circuito com o título em Porto Alegre, a segunda posição em Ribeirão Preto e a terceira nas provas de Fortaleza, São Paulo e Curitiba. Ela também foi campeã da Meia Maratona de Fortaleza e a segunda brasileira mais bem colocada na Meia Maratona do Rio.

Baldaia venceu as etapas de Uberlândia, Fortaleza e São Paulo do Circuito, foi segunda colocada em Curitiba, além de ter conquistado os títulos da Maratona de São Paulo, da Meia Maratona do Rio e da Meia Maratona de Stramilano, na Itália.

Mas além de se preocuparem uma com a outra, elas terão como adversário comum o calor e a baixa umidade do ar de Brasília. “Me senti mal no ano passado. Nunca corro confortável por lá, pois o clima é bastante desfavorável”, lembra Conceição. Baldaia também espera dificuldades na capital federal. “As condições climáticas são ruins, o ar é muito seco. Não tenho um histórico muito bom em Brasília”.

Apesar dos obstáculos, elas apostam na superação para obter um bom resultado em Brasília. “Priorizei a preparação para essa etapa e acredito que conseguirei correr bem neste ano”, disse Conceição. “Tudo tem dado tão certo para mim nessa temporada que estou bastante confiante. O início da prova pode ser determinante e acho que minha experiência pode ajudar”, comentou Zeferina.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias