iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

31/10 - 16:36

Ministério aproveita GP para divulgar candidatura olímpica

Também seguem na disputa pela organização as cidades de Madri (Espanha), Tóquio (Japão) e Chicago (Azerbaijão)

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O Ministério dos Esportes está aproveitando o GP do Brasil de Fórmula 1 para divulgar a candidatura do Brasil aos Jogos Olímpicos de 2016. O Rio de Janeiro é o representante nacional na disputa cujo resultado será conhecido em outubro de 2009.

Também seguem na disputa pela organização as cidades de Madri (Espanha), Tóquio (Japão) e Chicago (Azerbaijão).

Durante os três dias de atividades oficiais no circuito de Interlagos, em São Paulo, o Ministério manterá ações de promoção da candidatura visíveis não apenas aos 120 mil torcedores presentes na pista, mas também aos 380 milhões de telespectadores que assistem à corrida pela televisão em 140 países.

Entre as ações estão a fixação, na pista, de duas placas publicitárias estampando a logomarca Rio 2016 – Cidade Candidata; e a logomarca do governo federal. Haverá veiculação, nos telões do autódromo, de vídeo de 60 segundos, 20 vezes por dia e o Ministério disporá de um centro de hospitalidade para recepção de convidados durante os três dias.

Em Interlagos, o ministro Orlando Silva Júnior vai se encontrar com personalidades do esporte e da economia e também com a ministra inglesa responsável pelos Jogos Olímpicos de Londres em 2012, Tessa Jowell. Eles vão conversar sobre a experiência londrina na condução de sua candidatura para sediar o evento e o atual processo de organização dos Jogos.

Um dos argumentos a favor da candidatura brasileira é o fato de a América do Sul nunca ter sediado a competição. Outro fator positivo é a promessa de grande parte da infra-estrutura necessária ao Rio estar pronta e testada pelo menos dois anos antes, para a Copa do Mundo de Futebol de 2014. Antes disso, em 2011, o Rio será sede dos 5º Jogos Mundiais Militares e em 2013 a cidade provavelmente sediará partidas da Copa das Confederações de Futebol.


Leia mais sobre: Rio-2016 Fórmula 1

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias