iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

18/10 - 12:01

Itália bate Rússia e fica com terceiro lugar na Copa do Mundo

Dessa vez a Itália foi beneficiada por dois erros graves de arbitragem na partida

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - A Itália venceu a disputa de terceiro lugar da Copa do Mundo de Futsal, neste sábado, no Ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. Ao bater a Rússia por 2 a 1, com um gol nos segundos finais, o time italiano, beneficiado por dois erros graves de arbitragem na partida, encerrou sua participação no mundial com uma vitória.

A Itália logo abriu o placar, com seis minutos de jogo. Foglia fez bela jogada puxando a bola da direita. O atleta fintou dois jogadores russos e acertou belo chute sem chances para Zuev. Depois do tento, o time latino seguiu melhor na partida, criando as melhores oportunidades, mas a bola não voltou a entrar na meta russa.

Com menos de dois minutos para o fim do primeiro tempo, no entanto, os italianos tomaram um susto, quando Shayakhmetov acertou a trave de Feller. Logo depois, o russo fez grande jogada individual, passando no meio de dois italianos, que o derrubaram, cometendo falta claríssima. No entanto, o juiz mandou o lance seguir.

Na segunda etapa, logo aos cinco minutos, a Rússia igualou o marcador. Dushkevich anotou. O gol animou o time eslavo, que partiu para cima dos italianos e quase virou a partida faltando sete minutos para o apito final.

Após chute de Prudnikov no travessão de Feller, Grana tirou a bola com a ajuda de seu braço, impedindo o gol russo. Mais uma vez, a arbitragem falhou contra a Rússia. Depois disso a bola sobrou para o arqueiro da Itália, que deu continuidade ao jogo.

Tendo aprendido a lição de que a partida não pode ser considerada perdida até o apito final, com a amarga derrota para a Espanha na semifinal, a Itália conseguiu fazer o gol da vitória com apenas 13 segundos sobrando no cronômetro. Assis fez, de cobertura, o gol italiano, decretando a vitória de sua equipe.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias