iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

11/10 - 13:51

Derrota por 1 a 0 para Brasil deixa técnico iraniano "honrado"
Shams disse ter conversado com o ala Falcão após o jogo e afirmou que o brasileiro elogiou a seleção do Irã

EFE

RIO DE JANEIRO - O técnico iraniano Hossein Shams disse ter ficado "honrado" com o desempenho do Irã na derrota por 1 a 0 do Irã para o Brasil no Mundial de futsal, em jogo válido pela primeira rodada do grupo E e disputado no Maracanãzinho.

"Foi uma grande honra jogar contra o Brasil no Rio de Janeiro.Trata-se de um time que marcou mais de 50 gols nos seus últimos jogo. Sinto-me honrado por ter levado somente um gol e por nosso time ainda ter criado algumas chances", disse.

Shams disse ter conversado com o ala Falcão após o jogo e afirmou que o brasileiro elogiou a seleção do Irã.

"O melhor jogador do mundo, Falcão, me disse que fomos os adversários mais fortes que eles enfrentaram até agora. Um elogio assim de um jogador como ele me deixa muito honrado", disse.

A admiração de Shams pelos brasileiros ficou explícita durante a coletiva de imprensa concedida após o jogo. O treinador não se cansava de dizer aos jornalistas que considerava o Brasil o melhor time do mundo.

O ala brasileiro começou novamente a partida fora da formação inicial e, perguntado se deixaria Falcão no banco, o iraniano disse que é preciso respeitar os critérios do técnico PC de Oliveira.

"É preciso respeitar as idéias do técnico. O Brasil venceu e isso mostra que PC estava certo. Acredito que mesmo se você tiver o melhor jogador do mundo à sua disposição, deve pensar primeiro no que é melhor para o time", concluiu.


Leia mais sobre: Copa do Mundo de futsal

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias