iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

30/09 - 13:05

Brasil comemora 20 anos do ouro de Aurélio Miguel
Em Barcelona-1992, na época com 24 anos, Aurélio Miguel obteve o feito na categoria meio-pesado do judô

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O Brasil comemorou nesta terça-feira duas décadas de um dos feitos mais importantes de sua história desportiva. Neste dia 30 de setembro, completam-se exatos 20 anos da conquista da primeira medalha olímpica de ouro do judô verde-amarelo, feito conseguido pelo paulista Aurélio Miguel nos Jogos de Seul-1988.

Na época com 24 anos, Aurélio Miguel obteve o feito na categoria meio-pesado. Na luta final na Coréia do Sul, o brasileiro bateu o alemão Marc Meling. Foi o primeiro dos dois ouros do País no judô – o segundo viria quatro anos depois, em Barcelona-1992 com Rogério Sampaio nos meio-leves.

Nos anos seguintes, Aurélio Miguel conseguiu outros feitos de destaque em sua carreira. O paulista, apelidado de “fúria espanhola” por ser filho de imigrantes catalães, ainda ganhou a medalha de bronze nas Olimpíadas de Atlanta-1996 e foi vice-campeão Mundial em 1993 e 1997.

Fora dos tatames, o primeiro judoca brasileiro campeão olímpico ainda foi eleito um dos 50 principais judocas de todos os tempos pela Federação Internacional de Judô (FIJ) e o melhor das Américas no século 20, de acordo com a União Pan-americana da categoria.

Aurélio Miguel, que enquanto atleta teve importante papel de bastidores para pôr fim a uma soberania de 20 anos da família Mamede no comando da Confederação Brasileira de Judô, iniciou em 2004 a carreira na política municipal: foi eleito vereador paulistano pelo PL, e mais tarde se tornou o líder de seu partido na Câmara Municipal. Em 2008, tenta a reeleição.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias