iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

25/09 - 16:25

Belga diz que usou doping por estímulo de atual membro da Wada

O velocista Eric Wijmeersch acusou Renno Roelandt por ter dado teste positivo em exames

Gazeta Esportiva

BRUXELAS (Bélgica) - O ex-atleta belga Eric Wijmeersch acusou seu compatriota Renno Roelandt, atual membro da Agência Mundial Antidoping (Wada), de tê-lo estimulado a usar doping em 1998. “Foi depois do Campeonato Europeu de 1998 que Renno, hoje presidente da comissão antidoping da comunidade flamenga, aconselhou-me a usar o hormônio do crescimento”, revelou Wijmeersch em uma coletiva de imprensa, em que anunciou sua aposentadoria.

“Ele me disse: ‘se eu fosse você, tentaria. É indetectável e é mais rápido’”, emendou o belga.

Aos 38 anos, Wijmeersch, que era especialista nos 100m e que nunca foi pego em testes antidoping, afirmou que seguiu o conselho do compatriota e que se dopou entre os anos de 1998 e 2001, mas, agora, ‘quis denunciar a hipocrisia existente no esporte belga’.

Por sua vez, Roelandt se isentou se qualquer culpa, falando que realmente conversou com o compatriota sobre a substância, mas que não tem culpa alguma sobre o fato de ele ter se dopado. “Eu nunca usei o hormônio do crescimento e nem qualquer outra substância proibida”, garantiu.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias