iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

12/09 - 12:25

Flamengo proíbe Jade de dar entrevistas após polêmica

Ginasta pode não participar da Copa do Mundo, em dezembro, por estar envolvida numa briga com a CBG

Agência Estado

RIO DE JANEIRO - O Flamengo resolveu proteger Jade Barbosa para não prejudicar a recuperação de sua lesão no pulso direito. Ela está proibida de dar entrevistas e pode até não disputar a finalíssima da Copa do Mundo de ginástica artística, em dezembro, por estar envolvida numa briga com a Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), que é acusada de esconder o problema pelo arquiteto César Barbosa, pai da atleta.

A decisão de mantê-la longe dos jornalistas, tomada pela vice-presidência de esportes olímpicos do clube, não tem prazo para terminar, diante da polêmica que o caso criou. "Só estamos pensando na recuperação dela. [Os jornalistas] só poderão fazer imagens. Eu não tenho detalhes de como foi o trabalho com ela na Olimpíada, porque não estava lá. Mas confirmo que a lesão é grave e agora temos muito a fazer", diz o técnico da ginasta do Flamengo, Ricardo Pereira.

Já é certo que Jade não participará da etapa da Copa do Mundo agora em outubro. "A Jade não pode nem pegar num mouse. Ela toma remédios para se recuperar e treina os outros segmentos normalmente", reforça Pereira. A lesão no pulso direito, segundo relato da assessoria de imprensa do clube, é resultado de um desgaste que faz com que tenha um pulso semelhante ao de uma pessoa de 50 anos.

A acusação mais recente foi feita pela atleta, que diz ter tomado o remédio Prexige, antiinflamatório com comercialização suspensa pela suspeita de causar efeitos colaterais, em quantidade acima da recomendada - até três comprimidos por dia, ao invés de um - para poder disputar a Olimpíada de Pequim. Como resposta a acusação, a CBG anunciou que será concedida uma entrevista coletiva nesta sexta-feira em Curitiba com a presença do médico da entidade, Mário Namba.


Leia mais sobre: Jade Barbosa

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias