iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

10/09 - 17:46

Presidente da CBAt comemora desempenho em Pequim

Roberto Gesta de Melo celebrou a 16º colocação do país no atletismo

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Apesar de o Brasil ter conquistado apenas uma medalha no atletismo dos Jogos Olímpicos de Pequim, o ouro de Maurren Maggi no salto em distância, o presidente da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), Roberto Gesta de Melo ficou satisfeito com o desempenho do país nos Jogos chineses: 16º lugar na classificação geral.

"Para trás, ficaram potências como França (29º lugar) e Alemanha (37º), enquanto que a China foi a 35ª', lembra o dirigente. E outros países tradicionais no atletismo também ocuparam posições inferiores à do Brasil, caso da África do Sul (29ª), além de Canadá, Grécia, Finlândia e Japão, que dividiram a 37ª colocação", argumenta.

Depois do ouro de Maurren, os melhores resultados do país ficaram com os quarto lugares dos revezamentos 4x100 m masculino e o 4x100 m feminino, além do sexto de Jadel Gragório no salto triplo. "Com isso, somamos 21 pontos e fomos 19º colocado entre os 62 países que ficaram entre os oito melhores", afirma Gesta, usando como base um sistema de classificação para ordenar todos os países que foram a finais. 'Deixamos para trás, entre outros, Itália (20º lugar), Finlândia (23º), Romênia (25º), África do Sul (31º), Japão (32º), Grécia (39º), Irlanda e Holanda (53º)', complementou.

Mais três brasileiros chegaram à final em suas provas na capital chinesa: Fabiana Murer (10º lugar no salto com vara), Jessé Farias de Lima (10º no salto em altura) e Keila Costa (11º no salto em distância). Técnico de Maurren Maggi, Nélio Moura também saiu satisfeito.

"O Brasil pode comemorar, além de seu desempenho geral em Pequim, também o fato de que 28 dos atletas da equipe têm 27 anos ou menos (15 têm até 23 anos) e poderão competir nos grandes eventos do próximo ciclo olímpico", destacou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias