iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

06/09 - 09:14

Regra impede que Clodoaldo desista de provas
Clodoaldo disse estar sem motivação após ter sido reclassificado da categoria S4 da natação para a S5

Gazeta Esportiva

PEQUIM (China) - Os planos do nadador brasileiro Clodoaldo Silva de participar apenas das disputas de revezamento nas Paraolimpíadas de Pequim esbarram em uma regra do Comitê Paraolímpico Internacional (IPC). De acordo com a entidade, um atleta só pode desistir de participar de uma prova na qual está inscrito caso apresente uma lesão.

Um dos maiores paraatletas do Brasil, Clodoaldo disse estar sem motivação após ter sido reclassificado da categoria S4 da natação para a S5, fruto de dois testes funcionais realizados depois que a França protestou contra o brasileiro. Quanto maior o número, menor é o grau de deficiência de um competidor.

Desta forma, Clodoaldo afirmou que só competiria nas eliminatórias dos 50m costas, sua pior prova, e ainda assim porque este era um requisito para estar nos revezamentos - o brasileiro topou cair na água nestas competições apenas para não prejudicar os compatriotas.

Porém, o IPC informou que Clodoaldo é obrigado a participar de todas as disputas do S5 que tenham a mesma metragem das quais ele competiria na S4. Com isso, ele pode abdicar apenas da disputa dos 150m medley, que não existe na nova categoria de Clodoaldo.

Dono de seis ouros em Atenas-2004, Clodoaldo está inscrito nas disputas de três provas nado livre (50m, 100 m e 200m), uma de costas (50m) e uma no estilo borboleta (50m), além dos revezamentos 4x50m livre e 4x50m medley.


Leia mais sobre: Clodoaldo Silva Paraolimpíada

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

clodoaldo

Esforço forçado
Desmotivado, Clodoaldo terá que nadar mais provas do que desejava na Paraolimpíada de 2008

Topo
Contador de notícias