iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

02/09 - 18:04

Cielo desabafa e exime CBDA de créditos pela medalha de ouro
César Cielo teve alguns problemas com a CBDA nos últimos três anos, e chegou, inclusive, a ficar sem patrocínio

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Pela primeira vez após se tornar o primeiro o nadador do país a faturar uma medalha de ouro em Olimpíadas, César Cielo fez duras críticas à Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA). Nesta terça-feira, o campeão dos 50m livre nos Jogos de Pequim-2008 não creditou sua conquista na China à entidade máxima da modalidade, sobretudo após as desavenças ocorridas desde 2005.

Cielo teve alguns problemas com a CBDA nos últimos três anos, e de 2006 até os Jogos Pan-americanos do Rio de Janeiro-2007, em julho, chegou inclusive a ficar sem patrocínio. Apenas um membro da Confederação foi poupado pelo nadador: Ricardo Moura, diretor técnico de natação.

“Não estou associando a minha imagem com a CBDA porque, na verdade, ela tem pouco a ver com a minha conquista”, iniciou Cielo, que marcou presença no Corinthians nesta terça para prestigiar o Troféu José Finkel. “A exceção é o Ricardo”, prosseguiu.

Moura foi responsável pela decisão de integrar o técnico de Cielo, o australiano Brett Hawke, à comissão técnica da seleção olímpica brasileira durante os Jogos de Pequim. Embora a medida tenha dado certo, com o nadador retornando da China com o ouro dos 50m e o bronze dos 100m livre, a medida não agradou muito a equipe verde-amarela.

“Querendo ou não, eu vou ser campeão olímpico pelos próximos quatro anos e eles vão ter que me agüentar”, desabafou o nadador de Santa Bárbara D’ Oeste. “Estou falando porque quero que todo mundo saiba o que acontece na verdade”, finalizou.

Cielo não disputará as provas individuais (de 50m e 100m livre) do Troféu José Finkel, e ainda está por decidir se participará do revezamento 4x100m. Caso confirme presença na prova, o campeão olímpico representará o Clube Pinheiros.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias