iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

17/07 - 15:49

Confiantes, Scheidt e Prada embarcam para China no domingo
Único atleta da delegação com possibilidade de conquistar a terceira medalha de ouro, Robert garante que não se importa com a pressão

Gazeta Esportiva

QINGDAO (China) - Campeões mundiais da classe Star em 2007, os brasileiros Robert Scheidt e Bruno Prada embarcam neste domingo para a China, onde tentarão conquistar a medalha de ouro nas Olimpíadas de Pequim, programadas para o mês de agosto. Na cidade de Qingdao, onde acontecem as competições de vela, os dois farão a adaptação à mudança de fuso horário, além dos treinamentos na raia da competição olímpica e os últimos testes com o novo barco.

Ambos estão confiantes e assumem o favoritismo. “Vamos com o pensamento positivo e a certeza de que vamos chegar bem lá. Vamos torcer também para encontrar todas as condições de vento, como no ano passado, quando acabamos ganhando o título do Pré-Olímpico na regata da medalha”, lembrou Scheidt.

Único atleta da delegação verde-amarela com possibilidade de conquistar a terceira medalha de ouro (ele foi campeão com a Laser em Atlanta-1996 e Atenas-2004), Robert garante que não se importa com a pressão.

“Temos de velejar e simplesmente administrar a ansiedade. Eu sempre faço as melhores regatas sob pressão. A gente está indo como um dos favoritos e não como o favorito e isso ajuda. Vamos fazer nossa competição regata a regata, com a consciência de que estaremos numa raia difícil, em que todos devem errar um pouquinho”, minimizou o atleta, que será o porta-bandeira do Brasil na abertura dos Jogos Olímpicos.

Bruno, de 36 anos, vai disputar a sua primeira olimpíada. Medalha de bronze na classe Finn no Pan-Americano de Winnipeg, em 1999, o atleta vai realizar um grande sonho, mas ao mesmo tempo garante estar tranqüilo.

“Tenho a grande vantagem de estar indo com o Robert, um atleta muito experiente. Tenho 15 mundiais na carreira e mais de 3.000 regatas corridas. O segredo é encarar a Olimpíada como mais uma competição. Vamos enfrentar as mesmas duplas que já enfrentamos inúmeras vezes”, explicou.

“Já estamos com 99% de nosso equipamento definido para a Olimpíada. O nosso barco já está na alfândega chinesa e esperamos poder velejar já na quarta-feira”, emendou o proeiro. “Fizemos uma boa preparação e agora faltam apenas detalhes para deixar tudo pronto”, afirmou Prada.

A dupla passou quase dois meses na Europa entre treinamentos e competições. Eles tiveram especial atenção com os testes feitos no barco novo Lillia em San Remo, na Itália. Depois de testá-lo na Delta Lloyd Regatta, na Holanda, a embarcação foi despachada de navio para a China.

O melhor resultado obtido pela dupla nesta fase foi a conquista do Campeonato do Hemisfério Oriental, na Croácia, quando superou 11 dos 16 concorrentes que estarão na Olimpíada.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias