iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

01/07 - 17:41

Gay destaca apoio do técnico para obter melhor marca da história
Responsável por estabelecer o melhor tempo da história dos 100m rasos na segunda-feira, o norte-americano Tyson Gay agradeceu ao técnico Jon Drummund pelo apoio moral que o ajudou a correr a prova em 9s68. 

Gazeta Esportiva

Embora não tenha batido o recorde mundial por causa do vento irregular (acima dos 2,0 m/s), o homem mais rápido do mundo garantiu estar tranqüilo para o restante do ano olímpico.

“O Jon disse que eu era capaz de correr na casa dos 9s6, e passei a mentalizar muito esse pensamento”, admitiu Gay. “Estou muito satisfeito com o meu corpo, que teve um ótimo rendimento. É uma sensação muito boa, e agora espero estar preparado para as próximas provas do calendário”, completou.

O tempo de Gay só não foi computado como o novo recorde mundial dos 100m rasos masculinos porque a velocidade do vento em Oregon no momento da prova era de 4,1 m/s. A Federação Internacional de Atletismo (Iaaf) só considera um tempo regular aquele obtido sob ventos abaixo de 2,0 m/s.

“Corro há muito tempo e tenho a experiência necessária para saber quando o vento estará acima dos 2,0 m/s. Senti isso quando me alinhei no bloco de largada, mas mesmo assim me mantive tranqüilo, pensando apenas em cruzar a linha de chegada”, concluiu.

Em decorrência do vento irregular, o recorde mundial dos 100m rasos continua pertencendo ao jamaicano Usain Bolt, que estabeleceu 9s72 no mês passado.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias