iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

24/06 - 19:01

Decisão judicial impede Gatlin de disputar seletiva
A alegria de Justin Gatlin durou pouco. Quatro dias após conseguir autorização para disputar as seletivas de atletismo norte-americanas, o campeão olímpico dos 100 m viu a ordem ser anulada por um juiz federal nesta terça-feira.

Gazeta Esportiva

Na sexta-feira, o juiz Lacey A. Collier havia concedido uma autorização temporária com efeito por dez dias liberando o atleta de 26 anos para disputar as seletivas de atletismo norte-americana, que começa no próximo dia 27, em Eugene, no Oregon.

Contudo, nesta terça-feira, o juiz anulou a autorização, considerando que a decisão sobre a participação de atletas nas Olimpíadas é uma “jurisdição exclusiva” do Comitê Olímpico dos Estados Unidos (de sigla em inglês USOC).

Gatlin foi suspenso por 4 anos por reincidência em infração do código antidoping. No início de junho, o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) rejeitou o pedido apresentado pelos advogados do atleta, solicitando a diminuição da pena.

A defesa do atleta alega que a primeira infração do atleta, flagrado no antidoping em 2001, não se configura como tal, já que a substância detectada foi usada para tratar um problema de déficit de atenção e não para ajudar em sua performance.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias