iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

06/06 - 17:32, atualizada às 19:35 06/06

Leandro atinge índice olímpico pela primeira vez
O cavaleiro Leandro Aparecido Silva deu um passo importante para confirmar seu nome na equipe brasileira de adestramento nos Jogos Olímpicos de Pequim, em agosto. Nesta sexta-feira, ele atingiu pela primeira vez o índice olímpico exigido pela Confederação Brasileira de Hipismo (CBH).

Gazeta Esportiva

Leandro Silva recebeu nota 65,640% em prova realizada em Lipiza, na Eslovênia. A nota mínima exigida pela confederação é 64%. Mas para garantir seu nome no grupo, é necessário que a marca seja alcançada duas vezes em eventos diferentes.

“Chegar numa Olimpíada é o sonho de todo atleta. Venho lutando minha vida inteira para isto. Ter competido no Pan de Santo Domingo, em 2003, foi uma oportunidade ímpar, e acredito que participar de uma Olimpíada não só acrescenta na minha experiência de vida como valoriza minha profissão", comemora o cavaleiro, que montou o lusitano Oceano do Top. "Agora vou em busca do meu segundo índice aqui na Europa”, avisa.

Dois conjuntos já estão garantidos no grupo que irá a Pequim. O primeiro a assegurar a vaga foi Rogério Clementino/Nilo VO, ainda no Brasil, Luiza Tavares de Almeida/Samba também confirmaram sua classificação.

Clementino e Luiza também montaram na Eslovênia e o cavaleiro teve média final 65,500%.

A CBH levou um grupo de cavaleiros para tentarem o índice na Europa. Além das competições, a permanência também já conta como parte da quarentena exigida pelas autoridades sanitárias para quem for participar dos Jogos de Pequim.

Os brasileiros voltam a competir domingo, na prova de Kür, que tem coreografia e música.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias