Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Luxemburgo vê queda de rendimento normal do Flamengo no Carioca

Técnico admite decepção com o empate do Flamengo, por 0 a 0, com a Cabofriense, domingo passado, em Macaé

AE |

selo

O técnico Vanderlei Luxemburgo não escondeu a decepção com o empate do Flamengo, por 0 a 0, com a Cabofriense, no último domingo, em partida válida pela quarta rodada da Taça Rio - o segundo turno do Campeonato Carioca. Ele admitiu o baixo rendimento da equipe na partida, mas encarou com naturalidade esta queda.

"Às vezes você acorda meio ‘goiaba’. Não quer levantar, fica com preguiça de ir trabalhar. Com todo mundo isso acontece e jogador de futebol é ser humano também. O time conquistou a Taça Guanabara, eliminou os jogos de volta na Copa do Brasil e jogou muito bem a última partida. Aí dá uma sossegada. Você até tenta alertar antes, dá bronca. Mas acontece", analisou.

Para o treinador, a melhor forma de acabar com esta tranquilidade exagerada dos jogadores é a conversa. "O negócio é chegar no vestiário depois e explicar que futebol é isso. Precisamos aprender com esse resultado. Vai ganhar mais que se mantém mais tempo focado, mais tempo ligado", afirmou.

Os atletas do Flamengo parecem ter entendido o recado. "Todo mundo queria sair com a vitória, mas não conseguimos. Tentamos muito, brigamos muito, mas não conseguimos. Não estávamos em um bom dia", declarou o volante Willians, que está suspenso do jogo com o Madureira, domingo, por ter levador o terceiro cartão amarelo, assim como o meia Renato.

Leia tudo sobre: FlamengoCampeonato Carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG