Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

UFC 132 tem disputa de cinturão e volta de lendas ao octógono

Além de Faber desafiando o campeão Cruz, Wanderlei Silva e Tito Ortiz compõem card principal do evento deste sábado

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

O UFC 132 neste sábado promete uma reunião de grandes lutadores no card principal. A luta mais importante da noite fica por conta do duelo entre Urijah Faber e o atual campeão Dominick Cruz. O confronto vale pelo cinturão do peso galo. Além deles, Tito Ortiz e Wanderlei Silva, dois ex-campeões, desafiam figuras que ainda não chegaram ao topo: Ryan Bader e Chris Leben, respectivamente.

A expectativa pela luto do título fica por conta da rixa declarada entre os dois. Faber, que é o queridinho dos norte-americanos, não gostou de Cruz ter dado autógrafos em cima da sua foto na promoção da primeira luta em que eles se encontraram, em março de 2007, no WEC 26. Na ocasião, Faber venceu por uma guilhotina.

Veja mais sobre UFC na página de lutas do iG Esporte

Reprodução/Twitter
Dominick Cruz defende seu cinturão contra o queridinho Urijah Faber

Desde então, muita coisa mudou. Cruz não perdeu mais: são oito vitórias e o cinturão dos galos. Do outro lado, Faber já perdeu três vezes, incluindo uma vez para José Aldo, e venceu outras sete.

Na luta que vem imediatamente antes da disputa pelo cinturão, Wanderlei Silva promove sua volta ao octógono mais de um ano depois de sua última luta, quando ele venceu o inglês Michael Bisping no UFC 110, na Austrália, em fevereiro de 2010. Com sede de vitória, o brasileiro promete ir para cima de Chris Leben, que tem fama pelo seu queixo duro e já até projeta confrontos futuros contra Chael Sonnen e Vitor Belfort, o que seria uma revanche do UFC 17.5, que aconteceu no Brasil.

Reprodução/Twitter
Wanderlei Silva entorta o pescoço na encarada contra o risonho Chris Leben

A última luta de Leben aconteceu em janeiro, quando ele foi derrotado por nocaute técnico por Brian Stann, no UFC 125, no primeiro dia deste ano. Antes disso, ele acumulava três vitórias consecutivas e começava a sonhar em ter uma revanche contra Anderson Silva.

Tito Ortiz é, talvez, o lutador que há mais tempo não vence e, mesmo assim, continua no UFC. Com a carreira marcada por polêmicas, inclusive com briga contra Dana White, o “bad boy” não levanta as mãos no fim de uma luta desde outubro de 2006, quando ele nocauteou Kem Shamrock, no UFC – “O capítulo final”. De lá para cá, três derrotas contra lutadores top e ex-campeões: Lyoto Machida, Forrest Griffin e Chuck Liddell; uma contra um em ascensão: Matt Hamill; e um empate contra outro ex-campeão: Rashad Evans.

O desafiante da noite será Ryan Bader, que perdeu a chance de lutar pelo título ao ser derrotado por Jon Jones. Quem vencesse do encontro entre eles em Las Vegas desafiaria o brasileiro Maurício Shogun. Jones atropelou seu oponente para depois atropelar também o ex-campeão e tirar o cinturão do Brasil e levara os Estados Unidos.

Reprodução/Twitter
Tito Ortiz precisa da vitória contra Ryan Bader, que também vem de derrota


No card preliminar, Rafael dos Anjos tenta voltar a vencer após ser derrotado por Clay Guida. Depois de uma sequência de finalizações incríveis, o brasileiro tenta encontrar o triunfo contra o duríssimo australiano George Sotiropoulos.

Veja o card completo do UFC 132, que terá transmissão do Canal Combate a partir das 21h:

Card Principal
Dominick Cruz vs. Urijah Faber
Wanderlei Silva vs. Chris Leben
Tito Ortiz vs. Ryan Bader
Carlos Condit vs. Dong Hyun Kim
Dennis Siver vs. Matt Wiman

Card Preliminar
Jeff Hougland vs. Donny Walker
Anthony Njokuani vs. Andre Winner
Brad Tavares vs. Aaron Simpson
Brian Bowles vs. Takeya Mizugaki
George Sotiropoulos vs. Rafael dos Anjos
Melvin Guillard vs. Shane Roller

Leia tudo sobre: ufc 132wanderlei silvatito ortizdominick cruzfaber

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG