Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

"Quero fazer mais 10 lutas", diz Wanderlei Silva

Lutador brasileiro, de 35 anos, descarta aposentadoria e afirma quer continua competindo pelos fãs

Eduardo Oliveira, iG São Paulo |

Wanderlei Silva é um dos atletas brasileiros com maior número de fãs no país e no exterior, por sua garra demonstrada durante suas apresentações e pelo show promovido antes dos combates. Escalado para enfrentar o norte-americano Chris Leben no UFC 132, o “Cachorro Louco”, como é conhecido, afirmou, que apesar dos 35 anos e das 44 lutas como profissional, está longe de pensar em aposentadoria.

“Eu quero fazer mais 10 lutas em minha carreira. Incrível, quando penso nisso meus olhos se enchem de lágrimas”, publicou Wand em sua conta no Twitter. O lutador fez questão de salientar a emoção de competir e que ainda não pensa em sua futuro após encerrar a carreira.

“Obrigado meu Deus, pois já fazem alguns anos que não preciso lutar por dinheiro, faço porque sou louco por vocês, meus fãs são a minha razão... Vocês não têm noção do que sinto quando estou ali dentro, é único e intenso. Eu competi minha vida toda, não sei como vai ser depois”, completou

O combate entre Wanderlei Silva e Chris Leben está no card principal do UFC 132, evento agendado para acontecer dia 2 de julho, em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Leia tudo sobre: mmaufcwanderlei silva

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG