Entradas para evento de MMA chegam a custar quase três vezes o salário mínimo aprovado por Dilma Rousseff em fevereiro

Dana White, presidente do UFC, não se mostrou animado em fazer evento aberto
Vicente Seda
Dana White, presidente do UFC, não se mostrou animado em fazer evento aberto
Os ingressos para o Ultimate Fighting Championship Rio (UFC Rio), que será realizado em 27 de agosto, na HSBC Arena, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade, começam a ser vendidos nesta quinta, mas os preços são desanimadores. O mais barato equivale a meio salário mínimo e, o mais caro, tem o mesmo valor de um bilhete para o melhor assento da final da Copa do Mundo de 2010 e custa quase o dobro do que o lugar mais cobiçado no estádio de Wembley para ver o título do Barcelona na final da Liga dos Campeões da Europa de 2011.

A pré-venda começou nesta quinta-feira, às 20h, apenas para clientes do banco que patrocina o local do evento. Essas entradas acabaram em menos de uma hora . A partir desta sexta, às 23h30, os demais fãs de MMA terão acesso, somente pela internet (ingresso.com) , às 16.572 entradas.

Na Copa da África do Sul, em 2010, a entrada mais valiosa para a final entre Espanha e Holanda custou R$ 1.639, R$ 39 a mais do que o melhor lugar disponível para o UFC Rio: R$ 1.600.

Os preços dos ingressos “populares” também se equivalem. Em ambos os eventos, a entrada mais barata vale R$ 275. Para a final da Liga dos Campeões, disputada em Wembley, entre Manchester United e Barcelona, os preços eram mais baixos e, mesmo assim, causaram revolta em muitos ingleses, como relataram os jornais locais. O ingresso mais caro para ver o título dos espanhóis custou R$ 844 (326 libras), pouco mais que a metade do valor da entrada equivalente no UFC Rio.

O valor do local mais privilegiado na HSBC Arena tem tudo para “assustar” no mercado brasileiro. Os R$ 1.600 para os únicos assentos que serão numerados correspondem a quase três vezes o salário mínimo de R$ 545 aprovado pela presidente Dilma Rousseff em fevereiro.

“Somos a maior franquia de esporte no mundo”, gabou-se Dana White, no Copacabana Palace, que recebeu a entrevista coletiva de apresentação do UFC Rio. Indagado novamente sobre a possibilidade de um evento aberto ao público em Copacabana, como sugeriu, e insistiu, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, quando o UFC Rio foi anunciado, White novamente não se mostrou empolgado e desconversou. “É, pode ser, vamos ver...”, respondeu.

Veja a divisão de setores e preços de ingressos para o UFC Rio:

Setor Marcado Inteira Meia
Octógono Premier Norte Sim R$ 1.600,00 R$ 800,00
Octógono Premier Sul Sim R$ 1.600,00 R$ 800,00
Cadeira Premier Leste Sim R$ 1.600,00 R$ 800,00
Cadeira Premier Oeste Sim R$ 1.600,00 R$ 800,00
Cadeira Especial Norte Não R$ 1.000,00 R$ 500,00
Cadeira Especial Sul Não R$ 1.000,00 R$ 500,00
Arquibancada Central Leste

Não

R$ 450,00 R$ 225,00
Arquibancada Central Oeste Não R$ 450,00 R$ 225,00
Arquibancada Norte Não R$ 275,00 R$ 137,50
Arquibancada Sul Não R$ 275,00 R$ 137,50
Portadores de Necessidades Especiais Não - R$ 137,50
Portadores de Necessidades Especiais Premier Sim - R$ 800

No site ingresso.com, responsável pela venda dos ingressos, a compra será limitada a quatro bilhetes por CPF, sendo apenas um de meia-entrada (para estudantes, idosos, professores da rede pública estadual e municipal, aposentados, menores de 21 anos e portadores de necessidades especiais). A entrega da entrada pelo correio custará R$ 22.

Quem optar por retirar na bilheteria da HSBC Arena poderá fazê-lo a partir de 1 de agosto, de segundo a sábado, das 10h às 18h. O sistema funcionará até o dia 27 de agosto, duas horas antes do início do evento. O site responsável pela venda aceitará cartões de crédito internacionais para facilitar a compra por turistas. Para os que pretendem ir ao Rio de Janeiro para o evento, pacotes estão sendo vendidos pela agência 4BTS, do Grupo Águia.

Veja fotos da entrevista dos astros do UFC no Copacabana Palace

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.