O norte-americano, que vai encarar o vencedor do duelo entre Jones x Evans ou Anderson x Sonnen, aceita mudar de categoria

No ano passado, Dan Henderson venceu o brasileiro Maurício Shogun
UFC
No ano passado, Dan Henderson venceu o brasileiro Maurício Shogun
Dan Henderson nunca fugiu de grandes desafios. Considerado um dos lutadores mais casca grossa da história do MMA, o norte-americano disse que aceitaria enfrentar o brasileiro Junior Cigano no UFC 146, dia 26 de maio, em Las Vegas.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Por conta do doping do holandês Alistair Overeem, Dana White, presidente do UFC, ainda não definiu quem vai enfrentar o campeão peso pesado do maior campeonato de lutas do mundo.

Leia mais: Lyoto Machida adia treinos com Steven Seagal

A princípio, Henderson vai encarar o vencedor do duelo entre Jon Jones x Rashad Evans ou Anderson Silva x Chael Sonnen. No entanto, o veterano lutador, de 41 anos, está obcecado pelo cinturão e aceita subir de categoria – atualmente ele luta na categoria meio pesado.

Veja também: Rio+20 lota hotéis da cidade e atrapalha plano do UFC

“É claro que eu aceitaria lutar contra o Cigano”, escreveu Henderson, no Twiter, após ser indagado por um fã de MMA.

Apesar da idade, Dan Henderson vive um dos melhores momentos da carreira. No ano passado, ele ganhou o cinturão peso médio do Strikeforce contra o brasileiro Rafael Feijão, companheiro de treino de Anderson SIlva, e venceu o brasileiro Mauricio Shogun, no UFC.

E mais: Vitor Belfort dispara contra deputado e elogia Chael Sonnen

De quebra, ele também aceitou enfrentar o russo Fedor Emelianenko, considerado o melhor pesado da história do MMA, e conquistou outra vitória.

Com um cartel de 29 vitórias e oito derrotas, o norte-americano também já bateu outros grandes nomes do esporte como Minotauro, Murilo Bustamente, Vitor Belfort e Wanderlei SIlva.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.