Nocaute de Vitor Belfort suspende japonês por 60 dias do UFC

Yoshihiro Akiyama pode ter sofrido lesões cerebrais e por isso recebeu a maior suspensão médica do torneio

iG São Paulo | 09/08/2011 14:55

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Vitor Belfort conseguiu a vitória sobre Yoshihiro Akiyama em menos de dois minutos no UFC 133 do último sábado. Apesar disso, o nocaute do brasileiro foi suficiente para dar ao japonês a maior suspensão médica do evento na Filadélfia. Ao todo, o judoca oriental terá que ficar 60 dias afastado do esporte para se recuperar.

De acordo com a Comissão Atlética do Estado da Pensilvânia, Akiyama pode ter sofrido lesões cerebrais e está obrigado a passar por uma avaliação neurológica antes de voltar a competir.

O atleta sofreu uma série seguida de pancadas de Belfort e acabou apagado no chão do octógono, sem se mexer. Por conta disso, recebeu a maior suspensão médica da noite e ainda corre o risco de ser cortado do UFC - ele já soma três derrotas consecutivas. 

<span>Vitor Belfort e o japonês Yoshihiro Akiyama se encaram antes do penúltimo confronto do UFC 133</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>Com sequência de socos no solo, Vitor Belfort deixou o japonês desacordado e obteve a vitória mais rápida da noite</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <strong>Publicidade</strong> <span>Após voltar a vencer no UFC, Belfort já pensa em enfrentar novamente o campeão Anderson Silva</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>O ator Mickey Rourke foi uma das celebridades presentes na plateia do UFC 133</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>Antes da luta principal, contra Rashad Evans, Tito Ortiz mostrou empolgação</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>Rashad Evans não demorou para demonstrar sua superioridade sobre Tito Ortiz</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>No duelo de ex-campeões, Evans não deu chance a Ortiz e finalizou o adversário no segundo round</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>No card preliminar, Rafael Natal enfrentou o americano Paul Bradley</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Conhecido como &quot;Sapo&quot;, Rafael Natal conseguiu sua primeira vitória na decisão unânime dos juízes</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Apesar desse belo golpe, Rani Yahya acabou derrotado pelo americano Chad Mendes</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong>

Atletas como Tito Ortiz e Dennis Hallman, que também foram nocauteados, serão obrigados a ficar afastados por 45 dias, por precaução.

Próximo desafiante do cinturão dos penas, Chad Mendes encerrou a preocupação a respeito de uma possível fratura na mão e ressaltou que voltará a treinar em duas semanas. Com isso, deverá enfrentar normalmente o vencedor do confronto entre o brasileiro José Aldo e o norte-americano Kenny Florian, marcado para outubro.

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo