Tamanho do texto

Francês quase precisou da intervenção de juiz, mas levantou e se recuperou no UFC on Versus 4

Kongo acerta golpe em Pat Barry no UFC
Divulgação/site oficial
Kongo acerta golpe em Pat Barry no UFC
Cheik Kongo venceu Pat Barry de forma genial na luta principal do UFC on Versus 4. O francês sofreu uma sequência de golpes, caiu por duas vezes e quase viu Dan Miragliota interromper o combate. O francês, no entanto, resistiu, levantou e achou um upper perfeito encaixado no queixo de Barry. Depois de uma trocação franca, Barry caiu estatelado no octógono e ficou, nitidamente, fora de ar por mais de um minuto.

O combate entre os pesos pesados levantou os presentes na arena montada em Pittsburgh, nos Estados Unidos, especialmente por Kongo ficar por duas vezes no chão, sem perspectiva de conseguiria voltar a ficar de pé e depois achar o queixo adversário. Nos replays, era possível ver todos se surpreendendo. Desde os fotógrafos até as ring-girls. Por isso, valeu o nocaute da noite.

“Eu tinha que vencer esse combate para ter uma bela volta ao UFC”, disse Kongo logo após a luta. “Eu estava de pé e vi apenas uma chance de acabar com a luta em apenas um soco”.



Veja as últimas notícias do UFC na página especial de lutas do iG Esporte

No co-main event, Charlie Brenneman surpreendeu Rick Story e dominou o 1º round. Conseguindo uma sequência não tão ofensiva em golpes, mas encaixando boas quedas e travando a luta no chão, o desafiante que entrou de última hora no card por causa da demissão de Nate Marquardt saiu à frente na batalha. No 2º assalto, a história foi exatamente a mesma. O azarão conseguia colocar Story para o chão e dominava as ações. Não era efetivo no ground and pound, mas sabia travar as posições sempre por cima.

No 3º round, Brenneman, que fazia apenas sua quarta luta no UFC, surpreendeu a todos e acabou com uma sequência de seis vitórias de Story com a mesma estratégia. Ele apenas ameaçava com golpes em cima e jogava seu adversáro para o chão. Se Story pensava em desafiar George St. Pierre, ele precisará recomeçar sua trajetória.

Sabe tudo de UFC? Responda o quiz especial do iG Esporte e prove

O 1º round entre Matt Brown e John Howard foi muito equilibrado. Os dois partiram para a trocação, acertaram muitos chutes nas pernas. Nos últimos minutos, Brown acertou uma bela joelhada e conseguiu colocar Howard para baixo. Os últimos segundos acabaram travados no chão. Já no 2º, Brown foi claramente melhor e viu seu adversário tentando apenas amarrar o combate. Sem gás, Brown tentou apenas administrar os últimos cinco minutos e conseguiu garantir a vitória por decisão unânime, se livrando da sequência de três derrotas consecutivas e colocando o adversário exatamente nessa situação.

Matt Mitrione começou o 1º round bem melhor. Ele conseguiu acertar alguns golpes em cheio que resultaram em dois knockdowns de Christian Morecraft. Apesar disso, ele não aproveitou a chance para acabar com a luta. No 2º round, Mitrione voltou a ser melhor e conseguiu acertar uma sequência que acabou sendo decisivo para nocautear Morecraft, que caiu sem a menor reação.

Card principal
- Cheick Kongo venceu Pat Barry por nocaute aos 2:39 do R1. ( prêmio de nocaute da noite )
- Charlie Brenneman venceu Rick Story por decisão unânime (29-28 triplo)
- Matt Brown venceu John Howard por decisão unânime (29-28 triplo)
- Matt Mitrione venceu Christian Morecraft por nocaute aos 4:28 do R2.

Card preliminar ( veja como foi o card preliminar aqui )
- Michael Johnson venceu Edward Faaloloto por nocaute técnico aos 4:42 do R1.
- Ricardo Lamas venceu Matt Grice por nocaute técnico aos 4:41 do R1.
- Charles de Oliveira finalizou Nik Lentz com mata leão aos 1:48 do R2. ( prêmio de luta da noite )
- Rich Attonito venceu Daniel Roberts por decisão unânime (29-27, 30-27 e 29-28).
- Joe Lauzon finalizou Curt Warburton com uma kimura aos 1:58 do R1. ( prêmio de melhor finalização )
- Javier Vazquez venceu Joe Stevenson na decisão unânime (30-27, 29-28 e 30-27)
- Tysson Griffin venceu Manny Gamburyan por decisão majoritária (29-28, 29-28 e 28-28)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.