Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

José Aldo dá show, mantém cinturão e se joga na torcida do UFC Rio

Brasileiro conseguiu o nocaute no fim do primeiro round e depois correu para comemorar no meio dos fãs

Hilton Mattos e Rodrigo Farah, no iG Rio de Janeiro |

AP
José Aldo se jogou na torcida após nocauteuar Chad Mendes no UFC Rio
A festa foi verde-amarela no UFC Rio. José Aldo mostrou porque é o rei dos pesos mais leves do UFC e manteve o cinturão dos penas com um nocaute sobre Chad Mendes no fim do primeiro round. Logo em seguida, ele surpreendeu a todos correndo para fora do octógono e se jogando no meio da torcida, causando um verdadeiro alvoroço na Arena HSBC.

Leia mais: Vitor Belfort leva público ao delírio com vitória sobre Johnson

“A este público maravilhoso, obrigado. [A vitória] era para vocês, esta luta eu tinha que fazer para vocês. Obrigado a todo mundo, estou muito feliz”, celebrou Aldo ao voltar para o octógono.

Veja ainda: Barboza dá chute espetacular e vence inglês

Este foi o 14º triunfo consecutivo de José Aldo. Agora, o campeão dos penas está invicto há nada menos do que cinco anos com um cartel de 21 vitórias e apenas uma derrota.

Quando o duelo começou, o desafiante fez aquilo que era esperado. Arriscou uma série de derrubadas, mas o amazonense defendeu todas de maneira impecável sem cair no solo.

E mais: Brasileiros dominam o primeiro card do UFC Rio

Nos instantes finais do primeiro round, José Aldo se soltou dos braços de Mendes e aplicou uma grande joelhada na cara do adversário. Depois, ele continuou com socos no chão até o encontro ser interrompido pelo árbitro.



“Toda hora ele vinha abaixado para entrar na minha perna, eu só estava esperando o momento para entrar a joelhada”, comentou o lutador do Flamengo em meio aos berros da torcida.

Ao todo, o Brasil saiu com a vitória em nove dos dez combates do UFC Rio – sendo que dois dos confrontos foram entre lutadores verde-amarelos. O único estrangeiro que saiu vencedor foi o norte-americano Mike Pyle, que venceu Ricardo Funch com um nocaute no primeiro round.

Confira o card completo do UFC Rio:

Card principal:
José Aldo (BRA) venceu Chad Mendes (EUA) com um nocaute no 1º round
Vitor Belfort (BRA) venceu Anthony Johnson (EUA) por finalização no 1º round
Rousimar “Toquinho” Palhares (BRA) venceu Mike Massenzio (EUA) por finalização no 1º round
Erick Silva (BRA) venceu Carlo Prater (BRA) com um nocaute no 1º round
Edson Barboza (BRA) venceu Terry Etim (ING) com um nocaute no 3º round

Card preliminar:
Thiago Tavares (BRA) venceu Sam Stout (CAN) na decisão dos juízes
Gabriel Napão (BRA) venceu Ednaldo Lula (BRA) por finalização no 1º round
Yuri Marajó (BRA) venceu Michihiro Omigawa (JAP) na decisão dos juízes
Mike Pyle (EUA) venceu Ricardo Funch (BRA) por nocaute no 1º round
Felipe Sertanejo (BRA) venceu Antonio Carvalho (CAN) na decisão dos juízes

Leia tudo sobre: José AldoUFC RioVitor BelfortUFCChad Mendes

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG