Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Hackers abrem guerra com UFC e divulgam dados pessoais de Dana White

De acordo com arquivo do grupo, o presidente do UFC teria um patrimônio líquido de US$ 150 milhões

iG São Paulo |

Márcio Rodrigues
Dana White foi alvo de hackers e teve seus dados pessoais divulgados na internet
O presidente Dana White se envolveu em uma séria disputa fora do UFC. Após ver o site da franquia ser invadido por hackers, o presidente do maior torneio de MMA do mundo teve seus dados pessoais divulgados por "piratas" da internet e iniciou uma discussão com os invasores pelo Twitter.

UFC opõe 'falastrões' Chael Sonnen e Bisping. Veja as provocações

De acordo com um arquivo divulgado pelo grupo Anonymous (@youranonnews), Dana White teria um patrimônio líquido de US$ 150 milhões (cerca de R$ 270 milhões). Além disso, os hackers divulgaram outros dados, como endereço, telefone e ficha criminal.

iG Entrevista: Dana White revela lado 'paizão' e incentiva sexo antes das lutas

Irritado, o dirigente começou a discutir com os membros do grupo no Twitter e ainda chamou os hackers de “covardes que se escondem”.

“Eu amo a internet. Ela nos ajudou a desenvolver nosso negócio. Mas roubar é roubar. E hackear as pessoas é terrorismo. Se vocês querem mudar o mundo, bom para vocês. Só não roubem o meu”, ressaltou Dana White.

O incidente começou quando o UFC apoiou a Sopa (projeto de lei antipirataria nos Estados Unidos que está em período de aprovação). Depois disso, o site da franquia foi invadido, e os hackers colocaram uma imagem de Adolf Hitler na página principal.

Logo após o ocorrido, Dana White fez pouco caso da invasão: “Sou um cara de lutas, não de websites. Não significa m... nenhuma. Pode ser grande coisa para outras companhias, mas não para a minha”, afirmou antes de ter seus dados pessoais divulgados.

Leia tudo sobre: Dana WhiteUFC

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG