Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Feijão aposta em treinos de luta em pé para encarar Henderson

Brasileiro revela que Anderson Silva e Rodrigo Minotauro, que já derrotaram o norte-americano, planejaram sua estratégia

Eduardo Oliveira, iG São Paulo |

Esther Lin
Rafael Feijão aplica joelhada em Ki Mo. Brasileiro venceu a luta
Rafael Feijão defenderá, no dia 5 de março, o cinturão dos meio-pesados do Strikeforce diante do veterano  Dan Henderson. Mas o atleta brasileiro não se mostra preocupado com a responsabilidade de colocar seu título em jogo pela primeira vez.

"Vou defender meu cinturão. Vou lutar por ele, mas imaginando que é uma luta qualquer, pois não vou colocar este peso nas minhas costas”, disse o brasileiro, em entrevista ao “USA Today”. Feijão, que vem de sequência de três vitórias consecutivas, fez questão de elogiar seu próximo oponente, que tem como principais conquistas os cinturões do Pride, em duas categorias, e do UFC.

“Eu estou treinando mais na luta em pé porque as habilidades dele (Dan Henderson) na trocação são maiores que as de King Mo (último adversário de Feijão, quando ele conquistou o título). O Henderson é um cara durão, tem a mão pesada e é muito experiente”, afirmou o brasileiro.

Rafael Feijão, que é companheiro de treinos de Rodrigo Minotauro e Anderson Silva, revelou que seus colegas de equipe, que já enfrentaram e venceram Henderson, mostraram o caminho para sua defesa de cinturão.

“Eles me passaram tudo. Pensaram a estratégia para meus treinamentos e minhas ações para o combate. No dia da luta, tudo termina bem”, encerrou.
 

Leia tudo sobre: Rafael Feijãomeio-pesadostrikeforce

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG