Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Fedor Emelianenko é demitido do Strikeforce após terceira derrota

"Último Imperador" foi superado por Dan Henderson e deve se aposentar do MMA

iG São Paulo |

Divulgação
Fedor ainda não anunciou nenhuma decisão oficial sobre a possível aposentadoria do MMA
O russo Fedor Emelianenko ganhou mais um motivo para se aposentar do MMA. Peso pesado de maior prestígio da história do esporte, o atleta de 34 anos foi demitido do Strikeforce, segundo informações do site MMA Weekly desta quinta-feira à tarde.

Fedor já estava em baixa pelas três derrotas consecutivas dentro da franquia. Ele foi superado pelos brasileiros Fabrício Werdum e Antônio Pezão, além de ter sido nocauteado por Dan Henderson no último sábado .

Depois do combate em Chicago, Fedor admitiu novamente que poderia se aposentar do esporte, mas se recusou a confirmar a informação oficialmente.

Na verdade, Fedor já era um grande desafeto da Zuffa (empresa que controla o Strikeforce e o UFC) por nunca ter lutado dentro da entidade presidida por Dana White.

Mesmo com a série recente de resultados negativos, Fedor Emelianenko é considerado uma das maiores lendas do MMA. Apelidado de "Último Imperador", ele possui um cartel de 31 vitórias e quatro derrotas, além de ter vencido dois títulos do extinto Pride.

Leia tudo sobre: Fedor EmelianenkoStrikeforceDan Henderson

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG