Cain Velásquez é o ídolo dos fãs de lutas hispânicos e é apontado como favorito à vitória no duelo contra o brasileiro no sábado

Cain Velásquez fará sua primeira defesa do cinturão contra Cigano
UFC
Cain Velásquez fará sua primeira defesa do cinturão contra Cigano
O campeão do povo. Cain Velásquez representa a imagem do herói mexicano que o UFC sempre buscou. Apoiado pelas raízes hispânicas e pelo perfil amansado de bom rapaz, o dono do cinturão dos pesados se transformou no símbolo da diversidade étnica da entidade nos Estados Unidos.

iG Entrevista: Cigano aponta UFC como moda antes de disputar o cinturão

Apesar de ser norte-americano, Cain Velásquez é visto como um ídolo para os fãs de lutas de origem latina. Além de falar fluentemente espanhol, ele é o primeiro campeão de origem mexicana. E por isso defenderá o cinturão contra Junior dos Santos com o apoio incondicional da torcida neste sábado à noite na Califórnia, local com grande número de descendentes hispânicos.

Veja também: Chefão do UFC põe Cigano x Velásquez como a maior luta da história

“Meu pai entrou ilegalmente dentro deste país (EUA) e foi deportado sete vezes. Ele andou no deserto sem dinheiro para melhorar a vida da família. Tenho orgulho de fazer parte de um povo tão batalhador e obstinado. Temos muito coração”, ressaltou o campeão.

Leia ainda: Anderson Silva e Vitor Belfort analisam Cigano x Cain. Veja e comente

A conexão com a origem da família é tão grande que ele ostenta uma tatuagem enorme no peito com a frase “Brown Pride” (Orgulho Negro). De acordo com Velásquez , esta é uma expressão bastante comum entre os mexicanos e também significa “Orgulho Mexicano”.

“Somos conhecidos por ser um povo que batalha duro e tenho orgulho disso, por isso fiz a tatuagem. Nunca desistimos e também sou assim. Sempre trabalho duro e sempre vou para cima”, completou o lutador conhecido por ter um dos melhores condicionamentos físico do UFC .

Veja ainda: UFC terá prejuízo com estreia na Globo para fidelizar novos fãs

Mas não é só pelas raízes e pelo estilo tranquilo que Velásquez faz sucesso. Em todas as suas aparições no UFC ele teve um rendimento impecável. Venceu seis de suas sete lutas na entidade por nocaute e continua invicto no MMA até hoje com um total de nove triunfos.

null

É justamente por esse motivo que o campeão é apontado como favorito à vitória em todas as casas de apostas, o que não impressiona seu rival de sábado, Junior Cigano dos Santos .

Veja também: Estreia do UFC na Globo terá Galvão Bueno e Belfort comentarista

“Será uma guerra como se fosse um grande jogo de futebol entre Brasil e México, mas vou fazer o máximo para levar o cinturão de volta para casa. Ele terá vantagem da torcida, mas tenho certeza que posso me tornar o campeão dos pesados”, afirmou o catarinense.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.