Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

David Haye promete mostrar que Wladimir Klitschko é uma "fraude"

Ucraniano tem cartel de 55 vitórias e três derrotas, com 49 nocautes. Lutadores seguem trocando provocações

AE |

Campeão da Associação Mundial de Boxe, David Haye prometeu mostrar que Wladimir Klistschko, dono dos cinturões da Federação Internacional de Boxe e da Organização Mundial de Boxe, é uma "fraude" na luta pela unificação de títulos dos pesos pesados marcada para o dia 2 de julho.

Haye, de 30 anos, disse que o ucraniano só lutou com "pudins gordos que só se apresentam para receber um cheque" durante entrevista coletiva que contou com a presença de ambos lutadores no estádio do Hamburgo, com capacidade para 57 mil pessoas, onde a luta acontecerá. "Ele é uma fraude, e eu sou bom em expor fraudes", disse o britânico, que tem em seu cartel 25 vitórias e uma derrota, com 23 nocautes.

Blog da Redação: Klistschko paga mico ao tentar bater embaixadinhas. Confira o vídeo!

Klitschko (55 vitórias e três derrotas, com 49 nocautes) se disse feliz pela luta, muito aguardada, finalmente acontecer após as negociações serem interrompidas várias vezes. "David Haye fez um monte de promessas antes, mas nada aconteceu", disse Klitschko, de 35 anos. "Essa é a razão porque eu insisti que estivesse escrito no contrato que Haye tem que ir para o ringue primeiro. Então, eu terei certeza de que ele estará lá antes de eu sair".

Getty Images
Wladimir Klistschko (esq.) e David Haye mostram suas conquistas. Luta será no dia 2 de julho
Haye desistiu de uma luta com Klitschko em 2009 devido a uma lesão nas costas e negociações posteriores entre as duas partes fracassaram, com cada lado culpando o outro. "Eu vou ficar muito chateado se isso não acontecer", disse Klitschko, acrescentando que a luta vai acontecer porque Haye aceitou dividir igualmente a bolsa da luta. "Então você vai receber um cheque bem grande. Será o 50º nocaute".

Vitali Klitschko (42 vitórias e duas derrotas), irmão de Wladimir, tem luta marcada com o polonês Tomasz Adamek para setembro, mas Haye está confiante de que ele cancelará a luta para para tentar restaurar a honra da família "depois de eu ter decapitado Wladimir".

Leia tudo sobre: BoxeDavid HayeWladimir Klistschko

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG