Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Dana White diz que Sonnen terá segurança presidencial no Brasil

Chael Sonnen ironizou a construção do estádio do Corinthians e disse que irá bater em Anderson Silva no Fielzão

iG São Paulo |

A recepção hostil dos brasileiros para Chael Sonnen já é motivo de preocupação do UFC. O presidente da entidade, Dana White, admitiu grande receio na maneira em que o polêmico lutador será recebido no país, mas prometeu que o desafiante terá uma segurança presidencial em sua possível passagem no solo verde-amarelo.

iG Entrevista: Dana White revela lado 'paizão' e incentiva sexo antes das lutas

“Já começamos a nos preocupar com a segurança dele. Vamos ter uma segurança presidencial para ele por lá. O maior medo de todos será se o Chael ganhar, teríamos que cavar um túnel embaixo do octógono para tirá-lo de lá”, afirmou o dirigente ao site Heavy MMA.

Veja também: Chefão do UFC diz que Anderson Silva pode ter só mais duas lutas

Chael Sonnen irá enfrentar Anderson Silva no Brasil caso vença seu compromisso contra Mark Muñoz no fim de janeiro. O campeão dos médios já aceitou a revanche com o norte-americano desde que o confronto aconteça em solo verde-amarelo, possivelmente no estádio do Morumbi.

Apesar de já ter feito declarações polêmicas contra o Brasil, Chael Sonnen mudou o discurso nos últimos meses e focou os ataques ao Corinthians, time que patrocina Anderson Silva.

O eterno desafeto do Aranha chegou até a se declarar palmeirense para aumentar as provocações ao rival e no último fim de semana voltou a provocar o clube alvinegro: “Gostaria que eles construíssem escolas e não o estádio. Se construírem o estádio, vou esticar o Anderson lá”.

Leia tudo sobre: Chael SonnenPalmeirasAnderson SilvaUFCDana White

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG