Usando as cores dos clubes com os quais têm contrato, Anderson Silva e Minotauro treinam no Rio de Janeiro sob gritos de 'Mengo'

Nada de sol e calor. O UFC Rio abriu sua programação de eventos nesta quarta-feira sob um céu fechado no Rio de Janeiro. Os atletas realizaram um treino aberto no meio da praia de Copacabana, com chuva e a presença de cerca de cinco mil torcedores. Além do MMA, o futebol também foi assunto, aquecido pela rivalidade entre Corinthians e Flamengo. 

A expectativa do público estava toda voltada para Anderson Silva. O campeão dos médios chegou ao local em meio a berros de “Spider! Spider!”, e mesmo bem recebido ameaçou não realizar o treinamento, invertendo a ordem para primeiro conceder entrevista à pequena multidão de jornalistas no local.

O Aranha subiu no tablado e fez uma série de exercícios de boxe ao lado do também lutador Pedro Rizzo. Vestido com o uniforme do Corinthians , o atleta foi alvo de parte dos fãs, que gritaram “Mengo! mengo!”. O lutador minimizou o ocorrido. “Isso é incentivo”, comentou Anderson,que chegou a fazer testes para a lateral do Corinthians, mas acabou na escolinha de boxe do clube. "Esse negócio de jogador não deu muito certo". Curiosamente, seu adversário no sábado, Yushin Okami, realizou na segunda-feira o sonho de conhecer Zico, maior ídolo do Flamengo, ex-técnico da seleção japonesa e um dos principais responsáveis pelo desenvolvimento do esporte no país.

Rodrigo Minotauro também foi alvo de provocações. Recém-contratado do Internacional , o baiano chegou à praia trajado com o uniforme colorado e ouviu gritos a favor do Flamengo.

Astros fazem treino aberto em Copacana. Veja as fotos

"Brasileiro é apaixonado por luta e futebol. Isso aqui é só um aquecimento para sábado. Nesta semana, treinei só uma vez por dia. É realmente uma semana que diminuímos um pouco o trabalho e fica parecendo até férias”, ressaltou o peso pesado, único a deixar seguranças de lado e ir cumprimentar os fãs de perto. "Eu sou da galera", brincou.

Minotauro disse ainda que, logo após assinar com o Internacional, mais de 12 mil pessoas passaram a seguir seu perfil no microblog Twitter. "A torcida aqui é do futebol também, eu quis vir com a camisa. Na Bahia sou Vitória, no Rio sou Vasco e no Sul sou Colorado. O futebol é esporte de massa e o MMA também, essa união é importante. Cheguei a ser campeão com a camisa do Vasco, que me patrocinou anos atrás", lembrou.

Forrest Griffin e Yushin Okami abriram os trabalhos e ouviram poucas vaias dos fãs em Copacabana. “Um deles disse que eu ia morrer, mas foi em inglês ruim, então fingi que não entendi. Mas espero não morrer contra o Shogun”, afirmou Griffin em tom de brincadeira após o treino leve, que serve apenas como uma demonstração para os fãs e a imprensa.

Promoção: iG dá kit e ingressos para ver o UFC Rio. Concorra

“Estou impressionado com a galera e com o carinho. Espero que os gringos possam sentir a pressão no sábado”, comentou Shogun, que treinou ao lado de Brendan Schaub, rival de Minotauro.

O UFC Rio começa a partir das 19h deste sábado na Arena HSBC com o card preliminar transmitido pelo canal Combate. Já as lutas do card principal terão início às 22h com transmissão ao vivo da RedeTV.

Infográfico: Saiba como chegar ao UFC Rio e como ver pela televisão

Confira todas as lutas do UFC Rio:

Card principal:
Anderson Silva (BRA) x Yushin Okami (JAP)
Forrest Griffin (EUA) x Mauricio Shogun Rua (BRA)
Antonio Rodrigo Nogueira (BRA) x Brendan Schaub (EUA)
Edson Barboza (BRA) x Ross Pearson (ING)
Luiz Cane (BRA) x Stanislav Nedkov (BUL)

Card preliminar:
Spencer Fisher (EUA) x Thiago Tavares (BRA)
David Mitchell (EUA) x Paulo Thiago (BRA)
Erick Silva (BRA) x Luis Ramos (BRA)
Dan Miller (EUA) x Rousimar Palhares (BRA)
Felipe Arantes (BRA) x Yuri Alcantara (BRA)
Yves Jabouin (CAN) x Ian Loveland (EUA)
Raphael Assuncao (BRA) x Johnny Eduardo (BRA)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.