Lutador iria lutar no UFC 128 contra Yoshihiro Akiyama, mas envolvimento com Justiça dos EUA tira chance de volta ao MMA

A chance de Chael Sonnen voltar ao UFC 128 em março está praticamente acabada. O lutador americano teve seu contrato com o maior campeonato de MMA congelado enquanto sua situação na Justiça dos Estados Unidos não se resolve.

Sonnen é réu confesso no caso de lavagem de dinheiro e não poderá ser o co-main do evento que tem Maurício Shogun x Rashad Evans como luta principal.

O lutador, que vem de derrota para Anderson Silva no UFC 117, encararia Yoshihiro Akiyama, que vem de duas atuações fracas. 

Além de ser alvo da Justiça americana por causa do caso de lavagem de dinheiro, Sonnen também foi flagrado no exame anti-doping e pegou pena de dois anos que, posteriormente, foi reduzida para seis meses.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.