Além da primeira defesa do cinturão de Junior dos Santos, nomes como Antônio Pezão e Edson Barboza

Cigano voltará ao octógono após a vitória sobre Velásquez em novembro
Getty Images
Cigano voltará ao octógono após a vitória sobre Velásquez em novembro
Nenhum UFC contou com tantos brasileiros como as duas edições no Rio de Janeiro (mais de dez cada uma). Mas o UFC 146, no dia 26 de maio, será praticamente um evento verde-amarelo. Ao todo, a noite de lutas em Las Vegas contará com nada menos do que seis atletas brasileiros, incluindo o campeão dos pesados Junior dos Santos .

iG Entrevista: Cigano põe boxe em 2º plano e diz que não brigará por vaga olímpica

Cigano irá protagonizar o principal duelo da noite contra o “gigante” Alistair Overeem. Esta será sua primeira defesa do cinturão mais cobiçado do UFC desde que ele derrotou Cain Velásquez em novembro do ano passado.

Confira ainda: UFC terá abertura com Royce Gracie e chute de Anderson. Assista

Além do catarinense, os pesados Antônio Pezão e Gabriel Napão foram confirmados pela diretoria do torneio em combates contra Roy Nelson e Shane Del Rosario, respectivamente.

Leia também: Vitor Belfort diz que ídolos como Senna vão surgir com UFC no Brasil

Dono do golpe mais bonito do último UFC Rio (o nocaute com chute giratório sobre Terry Etim), Edson Barboza enfrentará o americano Evan Dunham, seguido pelo duelo entre Diego Brandão e Darren Elkins.

Para completar, o principal lutador do MMA dentro do país, Glover Teixeira, finalmente irá realizar sua estreia no UFC. O parceiro de treinos de Lyoto Machida lutará contra Kyle Kingsbury no primeiro combate da noite em Las Vegas.

Veja também: Anderson Silva lança 'Bíblia do MMA' com técnicas da modalidade

Entre os duelos de estrangeiros vale ressaltar o retorno de Cain Velásquez após a derrota para Cigano. O ex-campeão lutará contra Frank Mir, último algoz de Rodrigo Minotauro na competição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.