Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Após vetar luta contra Toquinho, Cacareco é demitido do UFC

Brasileiro foi substituído pelo norte-americano Dan Miller no retorno do UFC ao Brasil, em agosto

iG São Paulo |

A permanência de Alexandre Cacareco no UFC durou pouco. Dias após ser cortado do UFC Rio por se recusar a assinar o contrato do evento, o atleta foi demitido pela entidade e agora está sem franquia para lutar.

Cacareco realizou sua estreia contra o bielorusso Vladimir Matyushenko em novembro do ano passado e acabou derrotado com um nocaute no primeiro round. Depois disso, ele foi escalado para o único confronto brasileiro do UFC Rio contra Rousimar Palhares, o Toquinho.

O problema é que Cacareco não gostou da ideia de baixar de categoria - dos meio-pesados (93 kg) para os médios (84 kg) - e preferiu não assinar o contrato para o combate. Como resultado, acabou demitido do UFC.

Com a recusa de Cacareco, os donos da franquia rapidamente anunciaram o norte-americano Dan Miller como seu substituto para o retorno do evento ao Brasil, no dia 27 de agosto.

Leia tudo sobre: ufcmma

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG