Brasileiro, que encerrou a carreira após também ter problemas com doping, resolveu apoiar o ex-colega de treinamentos

Suspenso temporariamente do MMA por uso de doping , Anderson Silva ganhou o suporte de outro lutador brasileiro. Wanderlei Silva divulgou um vídeo neste sábado em que declara apoio ao seu ex-companheiro de treinamentos, flagrado com substâncias em dois exames, realizados antes e depois do combate contra o americano Nick Diaz no UFC 183, em 31 de janeiro.

Leia também: Anderson Silva nega doping e diz que sempre jogou limpo: "Nunca fui trapaceiro"

"O legado do cara nunca vai ser tocado. Anderson é o cara, é o Bruce Lee moderno", disse Wand, que anunciou aposentadoria no ano passado após também ter problemas com doping após exames realizados pela Comissão Atlética de Nevada, a mesma que analisa o caso de Anderson Silva (assista ao vídeo abaixo).

Leia: Por respeito, UFC terá de peitar astros para se fortalecer em luta contra doping

Silva ainda não tem data para ser julgado pelo caso de doping, o que deve acontecer entre março e abril. O mais provável é que seja punido por, pelo menos, seis meses e o combate contra Diaz seja declarado sem resultado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.