Na casa de seu adversário, norte-americano dominou luta e venceu por nocaute técnico, ainda no 1° round. Luta contra Jon Jones está confirmada, mas ainda não tem data

Anthony Johnson momentos antes de nocautear Alexander Gustafsson, em Estocolmo
AP Photo/Jessica Gow
Anthony Johnson momentos antes de nocautear Alexander Gustafsson, em Estocolmo

A aguardada revanche entre Jon Jones, atual campeão dos meio-pesados do UFC, e Alexander Gustafsson, desafiante que mais castigou Jones em suas defesas de cinturão, não deve acontecer em breve.

Quem vai encarar Jones é Anthony Johnson, que venceu Gustafsson na madrugada deste domingo (horário de Brasília), por nocaute técnico ainda no 1° round, na principal luta do UFC Estocolmo , realizado na Tele2 Arena, estádio de futebol na Suécia. O combate entre Johnson e Jones foi confirmado por Dana White em seu Instagram , mas ainda não tem data definida.

Leia mais: Irlandês falastrão nocauteia mais um, pula grade e provoca José Aldo

Após a vitória, Johnson, que conta com um currículo de 19 vitórias e quatro derrotas (uma delas para o brasileiro Vitor Belfort) desejou melhoras para seu próximo rival, pego recentemente no doping por cocaína , e pediu que os dois façam o combate acontecer e que os fãs se empolguem. Já Gustafsson, derrotado, lamentou: "Eu estava me sentindo ótimo, mas ele me pegou. Eu fui pego hoje".

Apesar da sua boa atuação contra Jones, em setembro de 2013, Gustafsson não foi páreo contra Johnson. O sueco tentou ser agressivo, mas levou o contra-ataque em duas oportunidades e foi ao chão em ambas. Na segunda, caído, tentou se proteger das direitas de Johnson, e o árbitro Marc Goddard interrompeu a luta, dando a vitória ao norte-americano, restando pouco mais de dois minutos para o fim do round.

Galeria:  Ex-atriz pornô, "Feiticeira" e BBB fazem parte do time de namoradas do UFC

Veja todos os resultados do UFC na Suécia:

CARD PRINCIPAL

Meio-pesado
Anthony Johnson (EUA) x Alexander Gustafsson (SUE) por nocaute técnico no 1º round
Médio
Gegard Mousasi (ROM) vence Dan Henderson (EUA) por nocaute técnico no 1º round
Meio-pesado
Ryan Bader (EUA) vence Phil Davis (EUA) pode decisão dos juízes
Pena
Sam Sicilia (EUA) vence Akira Corassani (SUE) por nocaute no 1º round

CARD PRELIMINAR

Meio-médio:
Albert Tumenov (RUS) vence Nico Musoke (SUE) por decisão unânime
Meio-médio
Kenny Robertson (EUA) vence Sultan Aliev (RUS) por nocaute no 1º round
Pena:
Makwan Amirkhani (FIN) vence Andy Ogle (ING) por nocaute técnico no 1º round
Meio-pesado:
Nikita Krylov (UCR) vence Stanislav Nedkov (BUL) por submissão (guilhotina) no 1º round
Leve:
Mairbek Taisumov (RUS) vence Anthony Christodoulou (GRE) por nocaute no 2º round
Pena:
Mirsad Bektic (BOS) vence Paul Redmond (IRL) por decisão unânime
Pesado:
Viktor Pesta (TCH) vence Konstantin Erokhin (RUS) por decisão unânime
Mosca:
Neil Seery vence Chris Beal (EUA) por decisão unânime

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.