Lutador brasileiro poderá voltar a fazer todos os treinos de MMA, e chefão do UFC quer retorno para o fim de 2014

Anderson Silva quebrou a perna após chutar o joelho de Chris Weidman, em dezembro de 2013
Reuters
Anderson Silva quebrou a perna após chutar o joelho de Chris Weidman, em dezembro de 2013

Pouco menos de cinco meses após sofrer fratura na perna esquerda, Anderson Silva está liberado para voltar de uma vez por todas aos treinamentos de MMA. Empresário do lutador, Ed Soares, disse ao site "MMA Junkie'" que o ex-campeão dos médios recebeu alta da clínica Kerlan-Jobe, em Los Angeles, nesta segunda-feira. 

Leia mais: Cigano sofre fratura e desfalca luta principal da final do TUF Brasil 3

No entanto, o empresário não quis cravar uma data para a volta de Anderson Silva aos octógonos. "Conversamos com o UFC e veremos o que eles vão sugerir", disse Ed Soares. 

O brasileiro vem publicando fotos e vídeos de sua recuperação e treinamentos diariamente nas redes sociais. Porém, em recente participação no programa "Altas Horas", da Rede Globo, o lutador disse que só retornará em 2015

Agora, se depender do chefão do UFC, Dana White, a volta de Anderson aos octógonos do UFC pode acontecer ainda em 2014. "Ele pode fazer a última luta deste ano, ou a primeira luta do ano que vem. Ele vai voltar em 2014 ou na primeira oportunidade em 2015", afirmou White ao "MMA Junkie". 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.