Na decisão dos jurados, norte-americano leva a melhor e emplaca sétima defesa consecutiva do título dos meio-pesados

Jon Jones manteve o cinturão
Reuters
Jon Jones manteve o cinturão

O brasileiro Glover Teixeira resistiu o quanto pôde diante do norte-americano neste sábado. Evento principal do UFC 172, que aconteceu em Baltimore (EUA), a luta só conheceu o seu vencedor ao final dos cinco rounds. A decisão unânime dos jurados apontou que Jones levou a melhor (50-45) e manteve o reinado nos meio-pesados.

Com a vitória deste sábado, Jones emplacou a sétima defesa do cinturão, conquistado em março de 2011, quando nocauteou o também brasileiro Maurício Shogun ainda no terceiro round. Trata-se da maior seqüência da história da categoria e também da mais longa dentre os atuais detentores de títulos do UFC.

Nas últimas defesas de título, porém, Jones não ganhou com a mesma facilidade de lutas anteriores. Antes de encarar Glover, o norte-americano manteve o cinturão dos meio-pesados com uma vitória sobre o sueco Alexander Gustafsson que também aconteceu após decisão dos jurados.

Após derrotar todos os grandes nomes da categoria, o norte-americano sofreu em sua última defesa de cinturão, contra Alexander Gustafsson

Ao longo dos dois primeiros rounds deste sábado, Glover deu indícios de que poderia surpreender e acabar com o domínio de Jones na categoria. O brasileiro conseguiu equilibrar bastante a luta. Mas a situação fugiu um pouco do controle a parir do terceiro round, quando Jones passou a castigar o desafiante com suas séries de cotoveladas.

Glover seguiu se segurando. Resistiu aos duros golpes de Jones, mas passou a encaixar golpes com cada vez menos frequência na luta. Mesmo sem conseguir derrubar o adversário, Jones já se sentiu confiante o suficiente de que manteria o cinturão nos minutos finais e até provocou o rival.

Foi isso mesmo o que aconteceu. Após o fim dos cinco rounds, Jones foi indicado como vencedor pelos jurados e manteve, mais uma vez, o reinado dos meio-pesados.

Veja todos os resultados do UFC 172:

CARD PRINCIPAL
Jon Jones venceu Glover Teixeira na decisão unânime dos jurados
Anthony Johnson venceu Phil Davis na decisão unânime dos jurados
Luke Rockhold venceu Tim Boetsch por finalização no primeiro round
Jim Miller venceu Yancy Medeiros por finalização no primeiro round
Max Holloway venceu Andre Fili por finalização no terceiro round

CARD PRELIMINAR
Joseph Benavidez venceu Tim Elliott por finalização no primeiro round
Takanori Gomi venceu Isaac Vallie-Flagg na decisão unânime dos jurados
Bethe Correia venceu Jessamyn Duke na decisão unânime dos jurados
Danny Castillo venceu Charlie Brenneman por nocaute no segundo round
Chris Beal venceu Patrick Williams por nocaute no segundo round

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.