Ex-campeão dos pesados criticou a briga entre brasileiro e americano e disse que entrevero vai contra princípio do esporte

Cigano disse que briga entre Wanderlei e Sonnen prejudica imagem do MMA
Mauricio Nadal/ iG
Cigano disse que briga entre Wanderlei e Sonnen prejudica imagem do MMA

Depois das críticas de Vitor Belfort, agora foi a vez de Junior Cigano criticar a briga entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen durante episódio do TUF Brasil, exibido pela Globo no último domingo. Para o ex-campeão dos pesados, o entrevero é negativo para o MMA e não pode ser aceito. 

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Achei algo negativo. Uma coisa que não precisava ter acontecido. Sei que a rivalidade acontece entre os dois. Isso não pode ser aceito de jeito nenhum. Ficou feio. Os comentários foram negativos. Acho que foi uma atitude bem errada", disse Junior Cigano, em entrevista coletiva realizada em São Paulo, nesta terça-feira.

Leia mais: Belfort se diz envergonhado por briga entre Wanderlei e Sonnen no TUF

O peso pesado acredita que o MMA já leva a fama de esporte violento e um episódio como esse só atrapalha a imagem da modalidade. 

"Denigre muito. Porque a gente sempre tenta defender um esporte que é taxado de violento. A gente sempre tenta reverter isso e de repente acontece uma coisa dessas. Acho que não faz parte do nosso esporte", afirmou o brasileiro.

No dia 31 de maio, Cigano será o protagonista do TUF Brasil 3, exatamente no lugar de Wanderlei Silva x Chael Sonnen, que foi deslocada para o UFC 175, no dia 5 de julho. O brasileiro vai encarar o americano Stipe Miocic, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.

Assista à briga entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.