Paraense bateu holandês Gegard Mousasi e agora espera que Dana White cumpra promessa por disputa de cinturão

Na principal luta do UFC Night Fight em Jaraguá do Sul, neste sábado, o paraense Lyoto Machida bateu o holandês Gegard Mousasi por decisão unânime dos juízes e se credenciou para ser o postulante ao cinturão dos pesos médios contra quem vencer o duelo em maio entre Chris Weidman e Vitor Belfort. Machida venceu os cinco rounds (49 a 46, 50 a 45 e 50 a 45) Mousasi, um lutador experiente que já ostentou títulos de organizações japonesas e do extinto Strikeforce.

“Mousasi é um grande campeão, merece uma salva de palmas. Nem sempre conseguimos terminar da maneira que queremos, mas consegui levar por pontos. Quero lutar pelo cinturão, o presidente do UFC vai dizer quem vai ser”, falou Lyoto. Dana White, presidente do UFC, havia prometido que o vencedor deste combate enfrentaria Weidman ou Belfort.

Entre outra luta muito aguardada, o capixaba Ronaldo “Jacaré” Souza venceu o francês Francis Carmont, na segunda luta principal da noite na divisão dos médios. O brasileiro também fez lobby para disputar o cinturão dos médios.  

“Sabia que poderia ser uma luta dura, fiz de tudo para terminar antes do tempo, mas ele é muito duro e defendeu muito bem as quedas. Em três oportunidades, achei que finalizaria ele. Mas ele é um casca-grossa. Quero lutar contra o campeão agora! Antes dessa luta me lesionei feio, muitos disseram que não era para eu lutar. Mas vim e estou pronto para outra!”, disse Jacaré.

Confira todos os resultados do UFC Night Fight em Jaraguá do Sul:

Lyoto Machida venceu Gegard Mousasi por decisão unânime
Ronaldo Jacaré venceu Francis Carmont por decisão unânime
Erick Silva venceu Takenori Sato por KO aos 52s do R1
Nicholas Musoke venceu Viscardi Andrade por decisão unânime
Charles do Bronx finalizou Andy Ogle com um triângulo aos 2min40s do R3
Joe Proctor venceu Cristiano Marcello por decisão unânime
Rodrigo Damm venceu Ivan Batman por decisão unânime
Francisco Massaranduba venceu Jesse Ronson por decisão dividida
Iuri Marajó venceu Wilson Reis por decisão dividida
Felipe Sertanejo venceu Maximo Blanco por decisão unânime
Ildemar Marajó venceu Albert Tumenov por decisão dividida
Zubair Tuhugov venceu Douglas Andrade por decisão unânime dos jurados

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.