Medalhista olímpica e campeã do Strikeforce disse que a paranaense não tem mais contra quem lutar

Invicta e campeão do Strikeforce Ronda Rousey é a grande sensação do MMA feminino
ESPN/Divulgação
Invicta e campeão do Strikeforce Ronda Rousey é a grande sensação do MMA feminino

As provocações entre a campeã do Strikeforce Ronda Rousey e a brasileira Cris Cyborg parecem não ter fim. Desta vez, a musa americana chamou a atleta verde-amarela de trapaceira pela suspensão por doping e disse que a rival não tem escolha a não ser enfrentá-la em seu retorno aos ringues.

Quem você acha que venceria o combate? Opine com outros torcedores

“A Cyborg realmente não tem outras opções além de mim. Eu acho que ela é uma vítima de seu próprio engano. Enquanto ela estava dopada, parecia ser tão superior a todas as outras meninas que fez a categoria das mulheres parecer ruim”, comentou Ronda Rousey em entrevista à rádio Sherdog.

iG Entrevista:  Minotauro abre mão de disputar título se for contra Cigano

“Então, ela limpou sua própria divisão por causa disso. Agora ela está tendo que lidar com as consequências disso. Ninguém vai querer lutar com uma trapaceira. Eu sou praticamente a única opção e estou cheia de opções”, completou a americana.

CONFIRA ABAIXO AS MELHORES FOTOS DA MUSA RONDA ROUSEY:

O problema é que as duas não chegam a um acordo em relação à categoria. Ronda Rousey não aceita lutar acima dos 61 kg (seu peso atual), enquanto Cyborg afirma que não consegue chegar nesta classe (ela era campeã do Strikeforce até 66 kg).

Confira também:  Pezão faz treino aberto antes do retorno ao UFC nesta sexta. Veja fotos

Enquanto isso, Cyborg aguarda pelo término da suspensão, que acontece no fim deste ano. Resta saber se os dirigentes do Strikeforce vão conseguir fechar o combate mais aguardado da história do MMA feminino.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.