Evan Dunham foi derrotado por TJ Grant na decisão dos juízes e saiu do octógono com o rosto bastante machucado

Conhecido por aguentar fortes punições dos adversários, o lutador Evan Dunham deu mais um exemplo de resistência no UFC 152 do último fim de semana . O americano acabou derrotado por TJ Grant, mas aturou uma surra do rival ao longo dos três rounds e não foi nocauteado, perdendo na decisão dos juízes. Após o combate, Dunham ficou com o rosto bastante machucado e quase irreconhecível. Confira abaixo o antes e depois do atleta:

Dê sua opinião e comente esta notícia com outros fãs do UFC

Mas esta não foi a primeira vez que um lutador do UFC saiu do octógono desfigurado. Atletas como Lyoto Machida, Shane Carwin, Roy Nelson e Antônio Pezão também já sofreram graves lesões no rosto e foram obrigados a deixar o octógono muito machucados. Reveja abaixo uma seleção com alguns dos cortes mais sangrentos da história do Ultimate:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.