Campeonato chamado ArmFC colocou meninos de até 6 anos frente a frente com direito a troca de socos e finalização

Um torneio de MMA da Armênia decidiu explorar novos limites em meio ao crescimento da modalidade. O campeonato chamado ArmFC causou polêmica ao colocar crianças de até 6 anos para se enfrentarem dentro do octógono. Mas ao contrário do que já aconteceu em eventos de grappling (jiu-jitsu sem quimono), os meninos podiam trocar socos e pontapés normalmente. Confira abaixo um dos duelos, com direito até mesmo a pesagem e encarada:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.