Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Weidman surpreende, nocauteia Muñoz e pode enfrentar Anderson Silva

Revelação do UFC dominou todo o combate e conseguiu belonocaute no segundo assalto do UFC on Fuel

iG São Paulo | - Atualizada às

Gety Images
Chris Weidman atropelou Mark Muñoz no UFC on Fuel desta quarta-feira

O brasileiro Anderson Silva está próximo de ter um novo desafiante. Nesta quarta-feira à noite, a revelação Chris Weidman dominou completamente Mark Muñoz até conseguir o nocaute no segundo round no UFC on Fuel em San Jose (EUA). Com isso, o americano tem boas chances de ser confirmado como o novo rival do “Aranha” pelo cinturão dos médios do Ultimate.

Você acha que Chris Weidman pode derrotar Anderson Silva? Dê sua opinião

“Eu quero enfrentar o Anderson Silva. Fiz o treinamento necessário e acho que vou derrotá-lo. Por favor, me deem uma chance. Eu consigo derrotá-lo”, esbravejou o atleta invicto logo após conquistar o nono triunfo consecutivo da carreira.

Veja também: Brasileiros brilham e vencem três lutas no UFC on Fuel

Weidman controlou duelo desde o início. Ele derrubou o oponente no primeiro round e quase o finalizou, mas sempre se manteve o topo. Já no segundo assalto, ele encaixou uma bela cotovelada que derrubou Muñoz no mesmo instante. Depois, ele só precisou continuar com os golpes até o juiz encerrar o combate.

Leia mais: Soberano, Anderson Silva limpa categoria e fica sem desafiantes no UFC

No último sábado, Anderson Silva superou sua última “ameaça real” dentro da categoria. O brasileiro levou a melhor na revanche contra Chael Sonnen com um nocaute no segundo round, confirmando sua supremacia nos pesos médios com a décima defesa do cinturão consecutiva.


Leia tudo sobre: UFCAnderson SilvaChris Weidman

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG