Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Michael Oliveira confirma revanche contra Popó no Ibirapuera

Duelo entre os brasileiros deve acontecer no dia 15 de dezembro valendo cinturãolatino do Conselho Mundial de Boxe

Rodrigo Farah - iG São Paulo | - Atualizada às

Rodrigo Farah/iG
Michael Oliveira terá mais uma chance contra Popó no fim do ano

O ídolo do boxe nacional Acelino “Popó” Freitas voltará aos ringues mais uma vez. Nesta sexta-feira, a revelação Michael Oliveira anunciou a revanche contra o deputado federal após o primeiro confronto dos dois no começo de junho. O combate será sediado no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, com previsão de acontecer no dia 15 de dezembro.

Veja também: OMB reacende polêmica e dá vitória a Pacquiao diante de Bradley Jr

“Essa luta não terminou ainda. Isso é uma característica minha. O Popó estava morto no boxe há cinco anos e venceu com méritos. Mas o resultado será diferente da próxima vez”, declarou Michael Oliveira, indignado com a derrota para o ex-campeão mundial há menos de um mês.

Quem você acha que vai ganhar a revanche? Deixe a sua opinião 

“O Popó fala que eu sou playboy, mas se eu fosse estaria em Miami Beach curtindo meu barco novo com algumas garotas. Não estou. Estou aqui porque eu quero enfrentá-lo. Meu maior erro foi subestimá-lo. Achávamos que ele cansaria no quarto assalto e que meu preparo físico seria superior. Mas agora será diferente”, completou o brasileiro radicado nos Estados Unidos.

Confira ainda: Juíza nega pedido de prisão domiciliar e Mayweather seguirá preso

Popó decidiu voltar aos ringues após cinco anos sem lutar. O ex-campeão mundial foi chamado para o combate por Michael Oliveira e ficou indignado com o desafio na época.

E após uma série de polêmicas e troca de acusações, Popó fez bonito no combate em Punta del Este e levou a melhor sobre o rival de 22 anos até conseguir o nocaute no nono round. Esta, aliás, foi a primeira e única derrota da carreira do atleta de São Paulo.

“Uma coisa que poucos sabem é que na véspera da luta, o Michael estava com 39°C de febre. Não é uma desculpa, mas não havia como cancelar a luta. Foi como se o Popó aparecesse para lutar com um revólver 45 e o Michael com um 22”, destacou Carlos Oliveira, pai de Michael e promotor do evento.

A revanche dos dois acontecerá na mesma categoria do primeiro encontro, até 69 kg. A novidade é que o confronto dos dois valerá o cinturão latino do Conselho Mundial de Boxe (CMB). O valor da bolsa não foi anunciado, mas especula-se que esteja próximo dos R$ 500 mil para cada atleta.


Leia tudo sobre: BoxeMichael OliveiraPopó

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG